Política Monetária Presidente da Fed de Richmond demite-se depois confirmar informação confidencial a analista

Presidente da Fed de Richmond demite-se depois confirmar informação confidencial a analista

Jeffrey Lacker, que deveria deixar o cargo em Outubro deste ano, antecipou a sua saída "à luz destes acontecimentos". Em causa está informação confidencial de um analista que trabalha para a empresa do Financial Times que foi confirmada por Lacker.
Presidente da Fed de Richmond demite-se depois confirmar informação confidencial a analista
Negócios 04 de abril de 2017 às 19:01

O líder do banco da Reserva Federal de Richmond, um dos bancos do sistema de política monetária dos Estados Unidos, apresentou esta terça-feira, 4 de Abril, a sua demissão imediata do cargo depois de reconhecer que confirmou informações consideradas confidenciais a um analista.

Jeffrey Lacker (na foto), que deveria deixar o cargo em Outubro deste ano, antecipou a sua saída "à luz destes acontecimentos". Em causa está informação confirmada por Lacker a um analista que trabalhava para a Medley Global Advisors, propriedade da Financial Times Ltd, avançou o jornal britânico com o mesmo nome.

Depois da saída, Lacker será substituído pelo seu vice-presidente, Mark Mullinix. A escolha definitiva de um sucessor – cujo processo de selecção já tinha arrancado depois do anúncio de saída de Lacker este ano – vai continuar, garantiu a Reserva Federal em comunicado.

"Sempre me esforcei por manter o adequado equilíbrio entre transparência e confidencialidade, mas lamento que, neste caso, tenha pisado a linha para confirmar informações que deveriam ter permanecido confidenciais," disse o até aqui responsável da Reserva.

Já a Medley referiu em comunicado que o seu trabalho enquanto "organização jornalística que publica análise aprofundada" requer o contacto com fontes.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI