Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pompeo elogia resultados da reunião com líder norte-coreano. Mas há ainda muito por fazer

O secretário de estado norte-americano, Mike Pompeo, e o líder norte-coreano, Kim Jong Un, acordaram este domingo em agendar uma segunda cimeira de líderes "o mais rapidamente possível". Debateram a potencial supervisão dos EUA das medidas de desnuclearlização de Pyongyang, mas Pompeo diz que há ainda muito por fazer.

Reuters
Negócios jng@negocios.pt 07 de Outubro de 2018 às 17:39
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Aquela que foi a quarta viagem de Mike Pompeo a Pyongyang, no sentido de estabilizar as relações entre os EUA e a Coreia do Norte, teve um saldo positivo. O secretário de estado norte-americano mostrou-se satisfeito com o encontro realizado com o líder norte-coreano, Kim Jong Un.

 

Segundo Pompeo, citado pela Reuters, esta sua ida a Pyongyang constituiu "mais um passo em frente" rumo à desnuclearização da Coreia do Norte e a conversa com Kim foi "boa e produtiva". Mas há muito mais a fazer, sublinhou.

Mike Pompeo disse ter debatido com Kim as medidas de desnuclearização a serem tomadas pela Coreia do Norte e a questão de poder ser o governo norte-americano a monitorizar essas acções – algo que Washington considera vital. Além disso, falaram sobre as medidas que os Estados Unidos tomarão como contrapartida.

 

Um porta-voz do Departamento de Estado dos EUA avançou que Kim convidou inspectores norte-americanos a visitarem o local de testes nucleares em Punggye-ri para confirmarem que foi desmantelado.

 

Pompeo declarou ainda que o líder norte-coreano concordou em ser criado um grupo de trabalho, muito em breve, destinado a discutir os moldes do processo de desnuclearização.

 

Além disso, foi também abordada a questão de uma segunda cimeira entre Kim e o presidente norte-americano, Donald Trump, referiu a secretaria de imprensa do presidente sul-coreano, Moon Jae-in – com quem Pompeo se reuniu assim que saiu de Pyongyang rumo a Seul. Foi Kim, recorde-se, quem propôs este segundo encontro, numa carta enviada no mês passado a Trump.

 

O agendamento da primeira cimeira entre Kim e Trump, que decorreu em Singapura no passado dia 12 de Junho, teve a ajuda de Moon, que tem sido um impulsionador da aproximação entre as duas Coreias.

 

"Pompeo e Kim acordaram numa segunda cimeira EUA-Coreia do Norte o mais brevemente possível", referiu a secretaria de imprensa de Moon este domingo, acrescentando que "ambas as partes concordaram em prosseguir as conversações para decidirem o timing e local da segunda cimeira".


(notícia actualizada às 18:01)

Ver comentários
Saber mais Coreia do Norte Mike Pompeo Pyongyang EUA Kim Jong Un política diplomacia
Mais lidas
Outras Notícias