Banca & Finanças António Domingues recebe 107 mil euros em bónus do BPI

António Domingues recebe 107 mil euros em bónus do BPI

O BPI propõe uma remuneração variável de 465 mil euros para Fernando Ulrich pelo desempenho no ano passado. No futuro, metade dos prémios deverá ser paga através de acções do CaixaBank.
António Domingues recebe 107 mil euros em bónus do BPI
Diogo Cavaleiro 04 de abril de 2017 às 20:47

António Domingues vai receber 107 mil euros em prémio pelos cinco meses de 2016 em que ainda foi vice-presidente do BPI. O número faz parte da proposta de remunerações que é discutida na assembleia-geral do banco que terá lugar a 28 de Abril.

 

Domingues abandonou o lugar de número dois da comissão executiva do BPI para ir para a Caixa Geral de Depósitos em Maio passado, pelo que só recebe a remuneração variável proporcional a esse período exercido. O mesmo não acontece com os restantes gestores que recebem o bónus referente a todo o ano passado, conforme indica a proposta para votação na reunião de accionista publicada no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

Para Fernando Ulrich é proposto um bónus de 466 mil euros pelo ano de 2016, o que representa uma subida face aos 434 mil auferidos neste tipo de remuneração no exercício anterior. Segundo a política de pagamentos à administração do BPI, a remuneração variável não pode ser superior ao salário fixo dos gestores, sendo que a remuneração fixa do gestor foi, em 2015, de 462 mil euros. Não há ainda valores de 2016.

 

Os cinco vogais da comissão executiva irão receber, cada um, 329 mil euros em remuneração variável. Ao todo, o BPI deverá assumir um encargo de 2,2 milhões nesta proposta que chega à assembleia pela mão da comissão de remunerações, assinada por José Villalonga, do CaixaBank, e por Violas Ferreira Financial, representado por Edgar Alves Ferreira. Com a conclusão da oferta pública de aquisição, o CaixaBank passou a controlar 85% do capital do banco português.

 

Estas remunerações não são todas recebida pelos gestores no imediato. Normalmente, metade é paga em dinheiro mas a outra metade é dada em acções ou instrumentos emitidos pelo banco. Contudo, como o capital disperso ficou limitado após a OPA, a proposta da comissão de remunerações é a de que todo o prémio seja pago em dinheiro, embora metade só possa ser disponibilizado dentro de três anos.

 

Na mesma assembleia-geral que votará esta proposta, também está em cima da mesa a alteração da política de remunerações e um dos pontos é precisamente este: a remuneração variável continua a ser dividida em 50% em dinheiro e 50% em instrumentos, que passam a ser preferencialmente acções do CaixaBank, ainda que admitindo a remuneração através de produtos que possam vir a ser emitidos pelo BPI.

 

Esta reunião vai eleger os novos órgãos sociais do BPI, em que Fernando Ulrich, assumindo a presidência da administração, deixa o lugar de presidente executivo a Pablo Forero.

 

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI