Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pedro Castro e Almeida reconduzido à frente do Santander Portugal

A entrada em funções dos novos membros dos órgãos sociais, agora eleitos para o triénio 2022-2024, está dependente da avaliação do Banco Central Europeu.

Pedro Castro Almeida, presidente executivo do Santander em Portugal.
Tiago Petinga/Lusa
Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 23 de Novembro de 2021 às 12:26
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

Pedro Castro e Almeida vai continuar à frente da comissão executiva do Santander Portugal, num mandato que irá durar até 2024. A confirmação chegou esta terça-feira através da instituição financeira.


"A Assembleia Geral de Acionistas hoje reunida aprovou os novos órgãos sociais do Banco Santander Totta para o triénio 2022-2024", refere o banco num comunicado divulgado esta terça-feira, 23 de novembro.


A equipa executiva, liderada por Pedro Castro e Almeida, conta com Manuel Preto, Amílcar Lourenço, Isabel Guerreiro, Miguel Belo de Carvalho e Ricardo Jorge. 

Inês Oom de Sousa, até agora na comissão executiva, vai liderar a fundação criada pelo Santander Portugal para apoiar projetos nas áreas sociais e da sustentabilidade ambiental, como foi anunciado pelo banco na segunda-feira. 

Já 
José Carlos Sítima continua como presidente do conselho de administração do banco. O gestor assumiu este cargo após a morte de António Vieira Monteiro por covid-19, nos primeiros meses do ano passado.   
Apesar de os administradores já terem o "ok" da assembleia geral de acionistas, fica a faltar a aprovação do regulador bancário europeu. De acordo com o comunicado da instituição financeira, "a entrada em funções dos novos membros dos órgãos sociais agora eleitos está dependente da avaliação do Banco Central Europeu, no âmbito do processo fit & proper (adequação e avaliação)". 
Ver comentários
Saber mais Pedro Castro e Almeida Santander Portugal banca
Outras Notícias