Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Queda das imparidades em Portugal puxa por lucros do BCP

O banco liderado por Miguel Maya conseguiu aumentar os lucros nos primeiros seis meses do ano em quase 13% para 169,8 milhões de euros. Um resultado que foi sobretudo impulsionado pela atividade em Portugal.

Este conteúdo é exclusivo para Assinantes Assine já! Se já é assinante faça LOGIN
Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 29 de Julho de 2019 às 22:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • 11
  • ...
OBCP conseguiu aumentar os lucros nos primeiros seis meses do ano, à boleia de uma melhoria da atividade em Portugal, mas também de uma descida significativa das imparidades e provisões. O banco liderado por Miguel Maya alcançou no primeiro semestre lucros de quase 170 milhões de euros.

"O resultado líquido do grupo aumenta 12,7% face ao primeiro semestre de 2018, atingindo 169,8 milhões de euros nos primeiros seis meses de 2019", de acordo ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais banca BCP Miguel Maya
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias