Empresas CTT acordam aumentos salariais máximos de 1,3%

CTT acordam aumentos salariais máximos de 1,3%

Os CTT chegaram a acordo com os sindicatos para aumentos salariais. O aumento máximo é de 1,3% e tem efeitos retroactivos a Janeiro, revela um sindicato em comunicado.
CTT acordam aumentos salariais máximos de 1,3%
Negócios 06 de junho de 2018 às 18:29

Os CTT chegaram a acordo com os sindicatos sobre os aumentos salariais que serão implementados este ano, revelou o Sindicato Democrático dos Trabalhadores dos Correios, Telecomunicações, Media e Serviços (SINDETELCO) em comunicado.

 

Os aumentos salariais serão entre 1,1% e 1,3%, o que implica aumentos entre 16,6387 euros e 30,6944 euros.

 

"A tabela salarial será aplicada com retroactivos a Janeiro 2018 e é aplicada aos trabalhadores dos Correios de Portugal e restantes trabalhadores de todas as empresas do grupo", adianta o comunicado enviado para as redacções.




Marketing Automation certified by E-GOI