A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BrandConnection - Onde vale a pena ser diferente

Há dez anos que Natália Júlio vê a sua empresa crescer e receber prémios de criatividade. Em 2011, levou vários galardões para casa. Quem não se lembra da música que marcou o sumo de frutas B?

BrandConnection - Onde vale a pena ser diferente
Ana Pimentel 04 de Agosto de 2011 às 09:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Natália Júlio dirige a BrandConnection desde 2001, ano em que apareceu no mercado com o objectivo de revolucionar a forma como as marcas comunicam. Saiu da Initiative, onde estava desde 1998, como directora de serviços a clientes, para gerir o novo desafio do Interpublic Group. Desde o início, que tem estado estrategicamente mais direccionada para clientes nacionais.

Natália Júlio começa por explicar que a missão da equipa assenta em três pilares: o primeiro tem a ver com o "research" de conhecimento dos consumidores e dos meios, o segundo com os vectores da competitividade e inovação, responsável pelos prémios que têm recebido ao longo dos anos, e o último com aquele que é considerado o bem mais precioso para o funcionamento da empresa: as pessoas.

Natália Júlio trabalha com uma equipa composta por vários tipos de pessoas, com visões diferentes, multidisciplinares. Objectivo: formecer abordagens inovadoras aos clientes.
Em 2011, a BrandConnection recebeu três distinções: um "ouro", com a campanha "B! Clementina na playlist da RFM e Rádio Comercial", e três "pratas" no 13º Festival do Clube de Criativos de Portugal, um primeiro lugar no Young Lions Portugal e foi eleita a "Agência do Ano".

Motivação para criar
"Os prémios são motivadores e inspiradores para as equipas e revelam que vale a pena pensar diferente", diz Natália Júlio. A missão da BrandConnection é fazer com que os consumidores se sintam atraídos pelas marcas, se tornem seus fãs e as comprem.

"Tudo gira neste sentido." São os frutos do trabalho diário, que implica os clientes, equipa e meios e de que resulta o a linha de orientação: "Vale a pena não fazer igual, vale a pena fazer diferente".

No caso do "B! Clementina", foi a primeira vez que a BrandConnection conseguiu que uma música fizesse parte da "playlist" de duas rádios. Quem não se lembra da Maria Clementina, uma estratégia que teve como único objectivo estabelecer relações envolventes com consumidores, sobretudo jovens, em várias plataformas: rádio, televisão, entre outros. "Têm todos um conceito comum: criar conteúdos relevantes para o 'target'."

Na campanha realizada para o azeite Oliveira da Serra, a estratégia foi diferente: transportaram para uma personagem de uma telenovela todos os valores do azeite, vividos diariamente ao longo dos episódios. Aqui, existiu uma envolvência total: ao ver a novela, o espectador assistiu também à história do azeite, um produto que é essencialmente adquirido pelos consumidores em frente ao televisor.

Para Natália Júlio, a distinção enquanto "Agência do Ano" significou que a criatividade está resente no trabalho desenvolvido pelas equipas e é o reconhecimento de que a estratégia da empresa vai no bom caminho. "Tudo isto tem a ver com o facto de pensarmos que a criatividade e a inovação é um dos nossos pilares, de querermos que todos participem, de incentivarmos a partilha de opiniões e de discussão. Só sendo diferente se consegue um maior poder de atracão e, portanto, de sucesso."

Na BrandConnection, não há dois dias iguais, mas em todos têm de responder às questões que surgem e estarem informados sobre o que está a acontecer. Dividem tarefas, definem estratégias, procuram a diferenciação através do contacto com as marcas, os meios e as equipas multidisciplinares, para que os seus clientes se distingam dos seus concorrentes.

Depois, há que implementar os planos e o que consideram relevante para a estratégia da marca, acompanhando-a e avaliando a sua adaptação à realidade. Objectivo: que os resultados sejam, no mínimo, os esperados. "Para isso tem de haver um controle permanente de tudo o que fazemos."

Por enquanto, os pilares da BrandConnection vão manter-se, mas a empresa vai estar atenta a todas as alterações que vão surgindo e desenvolver competências na área digital. "Não se pode falar de futuro sem se falar em maior desenvolvimento e maior profundidade na área digital", conclui.




Bilhete de identidade



Empresa BrandConnection
Área de actividade Soluções de comunicação para marcas
Início de actividade 2001
Número de colaboradores 15
Facturação 2010 189 milhões de euros
Sede Lisboa




Ana Ramos e Susana Reis representaram Portugal em Cannes

A Young Lions Internacional faz parte do Festival Internacional de Criatividade Cannes Lions. A competição dirige-se a duplas de jovens profissionais do sector da comunicação, até aos 28 anos, que devem apresentar um projecto para um "briefing", apresentado este ano pela Volkswagen.

Primeiro, o concurso é disputado localmente e cada país deve eleger o seu vencedor, que representa a nação em Cannes. Ana Ramos e Susana Reis venceram com o projecto "Think blue - Act blue" e, em Junho, voaram para Cannes.

De lá, vieram com um quinto lugar.

Ver comentários
Outras Notícias