Produtividade e Inovação Pacemaker mais pequeno do mundo implantado em Coimbra

Pacemaker mais pequeno do mundo implantado em Coimbra

O pacemaker mais pequeno do mundo, com 2,5 cm, foi implementado pelo Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Este implante “marca uma nova etapa no tratamento das arritmias cardíacas”.
Pacemaker mais pequeno do mundo implantado em Coimbra
Sara Matos
Ana Laranjeiro 25 de julho de 2016 às 12:18

2,5 centímetros. Esta é a dimensão do pacemaker (dispositivo usado no tratamento de arritmias cardíacas) mais pequeno do mundo, implantado pelos médicos Luís Elvas e José Nascimento, no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Estes 2,5 centímetros correspondem a um décimo do tamanho de pacemaker convencional, de acordo com um comunicado enviado às redacções.

Este implante "marca uma nova etapa no tratamento das arritmias cardíacas, já que ao contrário do pacemaker convencional, o novo dispositivo é implantado directamente no coração através de um procedimento minimamente invasivo, sem necessidade de colocação de eléctrodos, os quais são os principais responsáveis pelas complicações a longo prazo".

O comunicado indica que a cápsula cardíaca é colocada no coração "através de um cateter inserido na veia femoral". Depois, este dispositivo fica "preso à parede do coração, podendo ser reposicionado, caso seja necessário".


"Seguro às paredes do coração através de pequenos ganchos, este mini dispositivo cardíaco fornece impulsos eléctricos que estabelecem o ritmo cardíaco através de um pequeno eléctrodo colocado na sua extremidade", acrescenta o documento.


A bateria deste pacemaker dura, em média, dez anos. Além disso, esta solução "
responde aos níveis de actividade do doente, ajustando-se automaticamente a cada pessoa". E permite "que os seus portadores tenham acesso aos meios de diagnóstico mais avançados, uma vez que é compatível com ressonância magnética", refere ainda o comunicado.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI