Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nuno Vasconcelos fora do conselho de administração da nova Oi

Nuno Vasconcelos, presidente da Ongoing, não está no novo memorando da fusão da PT com a Oi para a administração da empresa que resultar da junção.

Diário Económico "chumba" em auditoria de circulação
Alexandra Machado amachado@negocios.pt 28 de Julho de 2014 às 22:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

Os acordos definitivos para a transferência da dívida da Rioforte para Portugal e o novo memorando da fusão foram assinados e com mudanças ao nível da composição prevista do conselho de administração.

 

Face à intenção de Outubro de 2013, a nova Oi não terá Nuno Vasconcelos no conselho. Da Ongoing fica apenas Rafael Mora. Há outras mudanças, que já eram previsíveis. Henrique Granadeiro fica de fora do novo elenco, assim como os dois elementos que estavam ligados ao BES - Amílcar Morais Pires e José Maria Ricciardi.

 

DO lado português entrarão administradores considerados independentes, como António Gomes da Mota e Vítor Gonçalves, ambos professores, e Rui Horta e Costa, que já foi administrador financeiro da EDP. 

 

Ainda no lado português a Visabeira ganha poder nesta nova administração, já que Paulo Varela (que também é administrador da PT) entra na nova Oi, de acordo com o comunicado da Oi feito esta segunda-feira, 28 de Julho.

 

Do lado brasileiro há também mudanças. Sérgio Quintella, da Fundação Getulio Vargas - FGV e que esteve na Petrobras, entra, assim como Renato Torres de Faria que entra pela Andrade Gutierrez. Pelo grupo La Fonte (Jereissati) ficará Thomas C. Azevedo Reichenheim. 

 

Mantêm-se, face ao anterior elenco, Fernando Magalhães Portella (Jereissati), Fernando Marques dos Santos (BNDES), José Mauro Mettrau Carneiro da Cunha (presidente da Oi).

Ver comentários
Saber mais Ongoing PT Oi
Outras Notícias