Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

10 tecnológicas arrancam programa para preparar possível entrada na bolsa portuguesa

A sexta edição do programa da Euronext destinado a tecnológicas que pretendam preparar uma possível entrada em bolsa, no espaço de dois a três anos, arranca com 10 empresas.

Miguel Baltazar
Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 19 de Janeiro de 2021 às 16:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

Doutor Finanças, CRIAMTech, IndieCampers, Liqui.do, LOQR, Lusospace, S. Roque, SEA4US, Sikur e Visor.ai. São estas as 10 empresas que vão integrar a 6ª edição do Techshare, o programa organizado pela Euronext que tem como objetivo preparar as tecnológicas para uma operação de entrada em bolsa nos próximos dois a três anos.

 

A Euronext arranca com uma nova edição do Techshare, o programa que tem como finalidade ajudar as tecnológicas a familiarizarem-se com os mercados de capitais, com vista a realizar uma futura oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês). O programa conta com 10 participantes e têm um volume de negócios médio de 8,1 milhões de euros.

 

Ainda segundo os dados da Euronext, estas empresas têm, em média, 90 colaboradores e uma média de idade de 10 anos e nunca o programa contou com um número tão elevado de participantes.

 
Numa sessão virtual, que contou com a presença dos responsáveis das várias empresas, Isabel Ucha, presidente da Euronext Lisbon, realçou que "as maiores empresas de tecnologias já fizeram ou anunciaram que vão fazer o caminho da bolsa" e o "mercado de capitais continuará a ser a estratégia de financiamento para assistir o rápido crescimento das tecnológicas".


A presidente da bolsa de Lisboa defendeu ainda a ideia de que o mercado europeu tem vantagens para as tecnológicas que estudem a entrada em bolsa, argumentando que as "empresas que tentaram o mercado americano enfrentaram fortes desafios. A Europa é uma realidade muito mais próxima, incluindo na forma como investidores interagem com as empresas".

Este programa iniciou-se em outubro, com a fase de seleção das empresas, e será concluído em junho, numa sessão prevista para ser realizada na Universidade Nova de Lisboa, no campus de Carcavelos.

 

Lançado em 2015, o programa pré-IPO Techshare conta já com 400 empresas, das quais 30 são portuguesas.

Ver comentários
Saber mais Euronext Lisbon Techshare tecnológicas IPO bolsa
Outras Notícias