Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa nacional contraria quedas no resto da Europa com ganho da EDP

O índice PSI-20 não acompanhou o ritmo negativo nas restantes praças europeias, com apoio de um ganho superior a 1% da EDP.

Capitalização bolsista da da EDP
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 01 de Setembro de 2020 às 16:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • 10
  • ...
O índice PSI-20 terminou o dia a valorizar 0,14% para os 4.307,12 pontos, contrariando a tendência negativa no resto da Europa, impulsionado pelos ganhos da EDP e também da Jerónimo Martins.

Assim sendo, a bolsa nacional entra em setembro com o "pé direito", interrompendo um ciclo de quedas que durava há três sessões e que levou a sua cotação para mínimos de um mês. 

A subir esteve a EDP, com um ganho de 1,30% para os 4,297 euros por ação e também a Jerónimo Martins, que valorizou 0,73% para os 13,855 euros. 

No setor da pasta e do papel, as duas representantes no índice também sorriram. A Altri consumou um ganho de 1,77% para os 4,258 euros por ação e a Navigator avançou 1,09% para os 2,228 euros.

No lado negativo esteve o BCP, que voltou a perder 1,72% para os 9,70 cêntimos por ação. A Galp fechou na linha de água nos 8,968 euros, assim como a Nos (3,388 euros).

Lá fora, as praças europeias oscilaram entre ganhos e perdas, mas o índice de referência para a região terminou no "vermelho".

Por um lado, as políticas expansionistas reforçadas pela Reserva Federal dos Estados Unidos, na semana passada, têm dado força aos mercados e sustentado um rally que entregou a agosto o título de melhor oitavo mês desde os anos 80, olhando aos títulos numa perspetiva global.

Por outro, o ressurgimento de surtos de coronavírus tem vindo a abalar os investidores, numa altura em que a Índia se tem vindo a afirmar como o novo epicentro da pandemia.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias