Mercados AIE: Produção de petróleo no Irão e Venezuela pode afundar 30%

AIE: Produção de petróleo no Irão e Venezuela pode afundar 30%

Dadas as sanções aplicadas pelos EUA, a produção de petróleo no Irão e Venezuela poderá abater até 30% no próximo ano, estima a Agência Internacional de Energia.
AIE: Produção de petróleo no Irão e Venezuela pode afundar 30%
Reuters
Ana Batalha Oliveira 13 de junho de 2018 às 13:05

A Agência Internacional de Energia (AIE) lançou esta quarta-feira, 13 de Junho, as primeiras previsões detalhadas para 2019, e no que toca à produção de petróleo, a antevisão é de grandes quebras. A entidade estima que a produção no Irão e na Venezuela caia quase 30% na sequência das sanções aplicadas pelos EUA.

A verificar-se o cenário previsto, outros membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), como a Arábia Saudita, terão de compensar as perdas. Segundo a mesma agência, o crescimento da produção fora da OPEP, nomeadamente nos EUA, deverá ser suficiente para dar resposta à procura.

Os membros da OPEP vão reunir-se na próxima semana. Neste encontro deverão debater a possibilidade de voltar a aumentar os níveis de produção, depois de terem decidido cortá-la para cerca de metade no próximo ano.

"Mesmo que o recuo na produção do Irão e Venezuela se verifique, o mercado estará delicadamente equilibrado no próximo ano, e vulnerável a aumentos dos preços caso existam outras disrupções", comentou a AIE.

O barril de Brent está agora a cotar nos 75,79 dólares, resultado de uma quebra de 0,12%. Já o West Texas Intermediate, negociado em Nova Iorque, regista uma quebra superior, de 0,57%, para os 65,98 dólares.




pub