Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Agências de "rating" afastam impacto do pacote anti-inflação

O envelope de 2,4 mil milhões de euros para apoiar as famílias não deverá comprometer as metas de dívida e défice. A garantia já tinha sido dada pelo ministro Fernando Medina e validada pelas agências de “rating” Fitch e DBRS, que elogiam a medida.

Fernando Medina garante que o programa de apoio às famílias não comprometerá as contas públicas. As agências Fitch e DBRS validam a ideia.
Fernando Medina garante que o programa de apoio às famílias não comprometerá as contas públicas. As agências Fitch e DBRS validam a ideia. António Pedro Santos/Lusa
Leonor Mateus Ferreira leonorferreira@negocios.pt 08 de Setembro de 2022 às 23:30
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

O Estado português vai gastar 2,4 mil milhões de euros para apoiar as famílias e limitar o impacto da inflação no poder de compra. A despesa adicional não é vista pelas agências de “rating” como risco para o caminho de diminuição do rácio da dívida pública, validando a expectativa do ministro das Finanças Fernando Medina. Deixam, ainda assim, alertas sobre os efeitos da inflaçã

...

Ver comentários
Saber mais Fitch Rating Medina Fernando Medina Portugal Jason Graffam DBRS Morningstar Europa NextGenerationEU
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias