Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCE gasta mais 14,5 mil milhões com compras de activos

Mario Draghi comprou menos dívida pública, mas também menos "covered bonds". Contudo, o investimento em títulos de dívida titularizada disparou. Superou os mil milhões de euros, o que foi um recorde.

Reuters
Paulo Moutinho 19 de Outubro de 2015 às 15:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

O Banco Central Europeu (BCE) gastou 14.587 milhões de euros nas compras de activos, durante a última semana. Um aumento ligeiro face ao montante despendido na anterior, fruto do forte aumento do investimento em instrumentos de dívida titularizados. Gastou mais de mil milhões, um máximo desde que Mario Draghi fez disparar a "bazuca".

De acordo com os dados revelados esta segunda-feira, 19 de Outubro, a autoridade monetária da Zona Euro comprou 12.042 milhões de euros em activos do sector público, um valor que compara com os 12.459 milhões registados na semana anterior. Ou seja, foram menos 417 milhões.


Tal como a dívida pública, também as compras de "covered bonds" caíram em 350 milhões de euros face à semana anterior, totalizando 1.474 milhões de euros. Estas quebras foram, contudo, mais do que compensadas com o montante gasto por Mario Draghi na aquisição de "asset-backed securities", ou seja, instrumentos de dívida titularizados.


Durante a semana passada, o BCE gastou um total de 1.071 milhões de euros nesta dívida titularizada, um montante que representa um recorde desde que Mario Draghi avançou com estas operações tendo em vista a injecção de liquidez no sistema para tentar puxar pela inflação.


O montante gasto em instrumentos de dívida titularizados disparou em 339% face à semana anterior, período em que tinham sido realizadas compras no valor de 244 milhões de euros. Ou seja, gastou mais 827 milhões.

Ver comentários
Saber mais Banco Central Europeu BCE Mario Draghi Zona Euro mercado e câmbios juros dívida pública obrigações compras inflação
Outras Notícias