Trading Apple afunda 9,5% em dois dias e já vale menos de um bilião de dólares

Apple afunda 9,5% em dois dias e já vale menos de um bilião de dólares

As acções da Apple estão a registar uma forte queda pelo segundo dia consecutivo, ainda a reflectir números que desencantaram os investidores. Estas quedas afastam a Apple do patamar de um bilião de dólares.
Sara Antunes
Sara Antunes 05 de novembro de 2018 às 16:39

A Apple apresentou os seus resultados do quarto trimestre na quinta-feira, 1 de Novembro. Os resultados em si foram bem recebidos, mas as perspectivas apresentadas para o trimestre em curso derrubaram as acções da tecnológica. Além das estimativas terem ficado aquém, também se venderam menos iPhones do que o esperado.

 

Dois factores que provocaram uma queda abrupta das acções da empresa liderada por Tim Cook logo na sexta-feira (-6,63%), um cenário que se prolonga esta segunda-feira, e que foi intensificado pelas notícias sobre o iPhone XR. A Apple está a perder esta segunda-feira mais de 3%, elevando para 9,5% a descida em duas sessões.

 

Em termos de capitalização bolsista, a Apple quebrou mesmo a barreira de um bilião de dólares, atingida em Agosto. Vale actualmente cerca de 955 mil milhões de dólares. Estes números correspondem a uma perda de valor de 119 mil milhões de dólares em apenas dois dias.

 

Segundo a agência Nikkei, a Apple terá pedido à Foxconn e à Pegatron que suspendam os projectos para mais linhas de produção dedicadas apenas ao iPhone XR, o que sugere que a tecnológica está a reduzir as perspectivas de vendas deste equipamento.

 

A Foxconn tem actualmente 45 linhas de produção só dedicadas a este aparelho, quando inicialmente estavam previstas 60, o que significa que esta empresa deverá produzir menos 20 a 25% do que o estimado, revelou a Nikkei, que cita fontes não identificadas.



Conheça mais sobre as soluções de  trading online da DeGiro.