Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Alfredo Teixeira: Continuamos a ser um país com uma escassa diversidade religiosa

O antropólogo Alfredo Teixeira escreveu o ensaio “Religião na Sociedade Portuguesa”, publicado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos. As transformações religiosas, que se revelam em particular na Área Metropolitana de Lisboa, refletem o fenómeno da globalização que trouxe fluxos de pessoas com diferentes culturas e religiões. Mas na sociedade portuguesa houve uma “descatolicização” desde os anos 1960, diz o professor da Faculdade de Teologia da Universidade Católica. Ainda assim, há 80% de portugueses que se identificam como católicos. E, em geral, são tolerantes com as outras confissões religiosas. O verdadeiro momento em que houve um choque religioso, defende, foi quando a Igreja Universal do Reino de Deus entrou em Portugal.

Miguel Baltazar
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

Ser português é sinónimo de ser católico?

Não. Essa expressão tem um fundo ideológico que já não se concretiza. Quando dizíamos isso, estávamos a falar de uma construção da identidade coletiva nacional, na qual a dimensão católica era um aspeto fundamental.

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Alfredo Teixeira FFMS ensaio Religião na Sociedade Portuguesa Área Metropolitana de Lisboa globalização Igreja Católica Islão Testemunhas de Jeová IURD evangélicos budistas
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias