Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Relógios: Patek Philippe, a guardiã do tempo

Percorrer o Museu Patek Philippe, em Genebra, é uma forma de se ficar a conhecer a evolução da marca, mas também de integrá-la na história mais vasta da relojoaria.

Fernando Sobral fsobral@negocios.pt 02 de Dezembro de 2018 às 15:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Poucos duvidam que os relógios da Patek Philippe são guardiães do tempo. Verdadeiros elogios à qualidade técnica e ao rigor criativo. Ou seja, obras de arte que perduram no tempo. E são o resultado de uma longa história que se tornou uma lenda desde que, em Maio de 1839, dois emigrantes polacos, Antoni Patek (um empresário) e Franciszek Czapek (um relojoeiro) se juntaram para fundar a Patek, Czapek & Co, em Genebra. Em 1844, Patek viria

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais relógios Patek Philippe Genebra museu cronógrafo história
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias