Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Medina adjudicou projeto para ciclovia contestada por Moedas a quatro dias das eleições

Medina adjudicou por 20 mil euros um ajuste direto para uma rotunda apta para bicicletas na continuação da ciclovia da Almirante Reis, com a qual Carlos Moedas prometeu “acabar”.

Miguel Baltazar
Negócios jng@negocios.pt 06 de Outubro de 2021 às 09:43
  • Partilhar artigo
  • 9
  • ...

A quatro dias das eleições, Fernando Medina fechou um ajuste direto com por 19,7 mil euros para um projeto de rotunda apta para bicicletas na Praça do Chile, de acordo com o Observador. O projeto surge na continuação da ciclovia da Almirante Reis, sobre a qual Carlos Moedas chegou a dizer: "é para acabar".

Explica o jornal que a adjudicação para a "elaboração do projeto de execução de uma rotunda na praça do Chile adaptável ao novo conceito ciclável em implementação na avenida Almirante Reis" foi feita ao Gabinete de Estudos e Projetos Paulo Pedrosa e custou 19.700 euros.

A ciclovia da Almirante Reis gerou alguma polémica, com a equipa de Fernando Medina a fazer o percurso entre Telheiras e o Martim Moniz numa ação de campanha, e Carlos Moedas a garantir que "a ciclovia da Almirante Reis é para acabar".

Questionada pelo Observador, fonte da autarquia explicou que se trata de uma adaptação do projeto já existente, mas não justificou a decisão de fechar o ajuste direto, relacionado com um projeto contestado, a poucos dias das eleições.

Ver comentários
Saber mais Fernando Medina Carlos Moedas Câmara Municipal de Lisboa eleições autárquicas
Outras Notícias