Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Morreram mais 12 pessoas em Portugal com covid-19 e casos ativos baixam pelo terceiro dia

Em 24 horas o número de óbitos em Portugal devido à pandemia da covid-19 aumentou de 1.330 para 1.342.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 26 de Maio de 2020 às 13:04
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

O número de vítimas mortais em Portugal devido ao novo coronavírus aumentou para 1.342, o que traduz uma subida de 12 óbitos face a ontem, quando estavam contabilizados 1.330, anunciou a Direção Geral de Saúde (DGS) esta terça-feira, 26 de maio.


O número de infetados (casos confirmados) aumentou 0,71% para 31.007, o que representa 219 novos casos em 24 horas. Ontem tinham sido anunciado um aumento de 0,54% para 30.788.

O número de novos óbitos baixou (12 contra 14 ontem), sendo que a taxa de crescimento também desceu (0,9% contra 1,1% ontem)

 

Verifica-se ainda uma subida na taxa de crescimento do número de infetados (0,71% contra 0,54% ontem). Em termos absolutos o número de novos casos também subiu para um máximo de três dias (219 contra 165 ontem). 

É na região de Lisboa e Vale do Tejo onde se continuam a verificar o maior número de novas infeções. Nas últimas 24 horas foram relatados 209 casos, o que representa mais de 90% do total.


Tendo em conta o número de infetados e de vítimas mortais, a taxa de letalidade é de 4,33%, o que representa um novo recorde e compara com 4,32% ontem. Nos doentes com mais de 70 anos, a taxa de letalidade é de 16,7%.

Casos ativos baixam pelo terceiro dia


No que diz respeito aos doentes recuperados, existem agora 18.096 casos, mais 274 (2%) do que o reportado ontem (17.822).

 

O número de casos ativos é agora de 11.569 (nível mais baixo desde 6 de de abril), que representam menos de 37,3% do total de casos confirmados.

 

Este foi já o terceiro dia seguido de descida do número de casos ativos, já que os recuperados aumentaram mais do que os novos casos.

 

Segundo o boletim diário da DGS, há 752 mortos no Norte (mais de metade do total), 325 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 234 no centro e 15 no Algarve. Os Açores registam 15 óbitos, o Alentejo tem 1 óbito e a Madeira continua sem vítimas mortais a lamentar.
 
Entre as vítimas mortais, 904 têm mais de 80 anos; 261 entre 70 e 79; 120 entre 60 e 69; 41 entre 50 e 59; 15 com idade entre 40 e 49 anos e 1 entre 20 e 29 anos. 686 são mulheres e 656 homens.  
O número de casos suspeitos aumentou para 313.886, 1.815 pessoas aguardam resultados de testes laboratoriais e o número de pessoas em vigilância pelas autoridades é agora de 26.392.

Doentes nos hospitais descem pelo sétimo dia

 

Os dados indicam que dos mais de 30 mil casos confirmados, 513 estão internados em hospitais, o que corresponde a uma descida de 3% face a ontem (531).

 

Saíram dos hospitais 18 doentes, sendo que este é já o sétimo dia seguido de queda neste número, que está agora em mínimos desde 29 de março.


No que diz respeito aos doentes internados nas Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), verificou-se uma descida de 1% para 71 (ontem tinham descido 8% para 72). 

 

O número de pessoas internadas nas UCI é o mais reduzido desde 27 de março.


Ver comentários
Saber mais Portugal Direção Geral de Saúde DGS saúde
Outras Notícias