Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dijsselbloem diz que negociações sobre o Brexit vão durar “muito mais de dois anos”

O presidente do Eurogrupo considera que as negociações são muito complexas e que ambos os lados se olham com "alguma desconfiança".

Reuters
Negócios 16 de Novembro de 2016 às 12:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Jeroen Dijsselbloem considera que as negociações sobre o Brexit são "muito complexas" e, por isso, durarão muito mais tempo do que os dois anos previstos.

 

O Governo liderado por Theresa May tem intenção de accionar o Artigo 50 do Tratado de Lisboa no final de Março, dando início ao período de 24 meses até à desvinculação do Reino Unido da União Europeia.  

 

"As negociações são muito complexas. Vão demorar muito mais do que dois anos", referiu o também ministro holandês das Finanças, num evento em Londres, citado pela Reuters. Dijsselbloem acrescentou ainda que ambos os lados se vêem um ao outro com "alguma desconfiança".

 

Segundo avançava o Financial Times esta terça-feira, os negociadores europeus do Brexit pretendem tratar do divórcio do Reino Unido da UE, e só depois de um acordo pós-Brexit.

 

Na primeira etapa da separação, que Bruxelas deseja ver concluída em meados de 2018 - para poder ser efectivada no início de 2019 - far-se-á também o acerto de contas. 

O antigo comissário francês Michel Barnier - que está encarregue de chefiar as negociações do lado europeu - quererá que todos os compromissos financeiros até agora assumidos por Londres sejam cumpridos. Cálculos do jornal britânico apontam para uma factura a oscilar entre 40-60 mil milhões de euros. 

Ver comentários
Saber mais Jeroen Dijsselbloem Eurogrupo Brexit União Europeia
Mais lidas
Outras Notícias