Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Parlamento britânico assume o controlo do Brexit

A proposta que incluía vários partidos permite debater e votar "planos B" ao defendido pela primeira-ministra, Theresa May, para definir a saída do Reino Unido da União Europeia.

EPA
Sábado 25 de Março de 2019 às 22:28

A Câmara dos Comuns aprovou, esta segunda-feira, a emenda que dá ao parlamento britânico o controlo sobre o Brexit e que dá a este órgão a primazia para estabelecer a agenda parlamentar do debate de quarta-feira.

A proposta, que incluía vários partidos e que foi encabeçada pelo conservador Oliver Letwin, permite debater e votar "planos B" ao defendido pela primeira-ministra, Theresa May, para definir a saída do Reino Unido da União Europeia.

Antes da votação – que foi aprovada por 329 votos a favor e 302 contra-, May já admitira que o governo continua sem apoio suficiente para fazer aprovar no parlamento o Brexit, mantendo-se incerto quando o fará. "É com grande pesar que tive que concluir que, da maneira como as coisas estão, ainda não há apoio suficiente na Câmara [dos Comuns] para trazer de volta o Acordo para um terceiro 'voto significativo'", afirmou Theresa May.

Na semana passada, o Conselho Europeu concordou com uma prorrogação da data de saída do Reino Unido da UE até 22 de maio de 2019, desde que o Acordo de Saída seja aprovado pela Câmara dos Comuns até sexta-feira.

Se não acontecer, o Conselho Europeu estipulou uma prorrogação até 12 de abril de 2019 e disse que esperava que o Reino Unido indicasse um caminho a seguir antes de 12 de abril de 2019 para a consideração dos líderes europeus.

O acordo foi chumbado a 12 de março por 391 votos contra e 242 votos a favor, uma diferença de 149 votos, repetindo o chumbo de janeiro por 432 votos contra e 202 contra, uma margem histórica de 230 votos.

* com Lusa

Ver comentários
Saber mais Câmara dos Comuns Brexit Oliver Letwin Theresa May Reino Unido da União Europeia política
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio