Mundo Mundo já tem três pessoas com uma fortuna superior a 100 mil milhões de dólares

Mundo já tem três pessoas com uma fortuna superior a 100 mil milhões de dólares

Bernard Arnault, o homem mais rico da Europa, acabou de se juntar a Jeff Bezos e Bill Gates num grupo exclusivo onde cada membro tem uma fortuna avaliada em, pelo menos, 100 mil milhões de dólares.
Mundo já tem três pessoas com uma fortuna superior a 100 mil milhões de dólares
reuters, bloomberg
Bloomberg 19 de junho de 2019 às 15:35

Bernard Arnault, presidente da LVMH, entrou no ranking de fortunas superiores a 100 mil milhões de dólares depois das ações da empresa de produtos de luxo ter subido quase 3% em bolsa. A sua fortuna líquida aumentou em quase 32 mil milhões de dólares desde o início do ano, o que corresponde à subida mais acentuada entre os 500 membros do índice de Bilionários da Bloomberg.

 

Os multimilionários franceses foram os que mais aumentaram as suas fortunas entre os membros europeus no ranking de 2019, com Arnault, François Pinault e Françoise Bettencourt Meyers a arrecadarem mais de 40 mil milhões de dólares entre os três. Entretanto, os irmãos por detrás da marca Chanel, Gerard e Alain Wertheimer, viram as suas fortunas disparar 9,8 mil milhões de dólares esta semana depois de a empresa francesa ter apresentado os resultados de 2018.

 

A fortuna de Arnault, avaliada em 100,4 mil milhões de dólares, equivale a mais de 3% da economia francesa, realçando a diferença de riqueza no seu país, onde os manifestantes têm saído às ruas a reivindicar mais impostos aos mais ricos.

 

Mesmo num contexto de aumento das tensões comerciais, o apetite de consumidores chineses por malas da Louis Vuitton ou por conhaque Hennessy impulsionou os resultados da LVMH, que também detém o champanhe Dom Perignon e os relógios Tag Heuer. As ações da empresa já dispararam mais de 40% este ano.

 

Arnault, de 70 anos, e a sua família estão entre os magnatas que em abril doaram mais de 650 milhões de dólares para a reconstrução da Catedral de Notre Dame depois de parte da igreja ter sido consumida por um incêndio. Arnault controla cerca de metade da LVMH através de uma holding familiar e ainda detém 97% da Christian Dior, fundada em 1949, três antes do seu nascimento.

 

Arnault entrou no mercado de produtos de luxo depois de ter comprado um grupo têxtil que detinha a Christian Dior. O empresário vendeu todos os outros negócios da empresa e usou os lucros na aquisição de uma participação de controlo na LVMH em 1988.

 

Bill Gates, co-fundador da Microsoft, doou mais de 35 mil milhões de dólares para a Fundação Bill & Melinda Gates. Já Jeff Bezos, dono da Amazon, viu a sua fortuna encolher 40 mil milhões de dólares no início do ano depois de ter se ter divorciado de MacKenzie Bezos.




Marketing Automation certified by E-GOI