Mundo Superior Tribunal de Justiça brasileiro reduz pena de prisão de Lula da Silva

Superior Tribunal de Justiça brasileiro reduz pena de prisão de Lula da Silva

O antigo chefe de Estado brasileiro cumpre pena em regime fechado, há mais de um ano, na sede da Polícia Federal em Curitiba, por corrupção passiva e branqueamento de capitais.
Superior Tribunal de Justiça brasileiro reduz pena de prisão de Lula da Silva
Reuters
Lusa 23 de abril de 2019 às 22:24

Os juízes do Superior Tribunal de Justiça brasileiro decidiram hoje, de forma unânime, reduzir a pena do ex-Presidente Lula da Silva, de 12 anos e um mês para oito anos, 10 meses e 20 dias de prisão.

 

O antigo chefe de Estado brasileiro cumpre pena em regime fechado, há mais de um ano, na sede da Polícia Federal em Curitiba, por corrupção passiva e branqueamento de capitais.

 

De acordo com a Justiça Brasileira, Lula recebeu um apartamento como suborno em troca de beneficiar contratos da construtora OEA com a petrolífera estatal Petrobras.

 




Marketing Automation certified by E-GOI