Agricultura e Pescas Gigante da canábis acelera expansão europeia a partir de Cantanhede

Gigante da canábis acelera expansão europeia a partir de Cantanhede

A Tilray contratou mais quadros para a sua operação na Europa de forma a acelerar a expansão cujo epicentro está em Portugal.
Gigante da canábis acelera expansão europeia a partir de Cantanhede
Correio da Manhã
Tiago Varzim 05 de julho de 2019 às 09:55
A gigante da canábis com base no Canadá, a Tilray, anunciou esta sexta-feira, 5 de julho, que vai acelerar a expansão europeia a partir de Cantanhede (Coimbra). A empresa nomeou cinco novos nomes para cargos de chefia no braço europeu cujas operações estão concentradas em Portugal. 

"Estamos confiante de que estas nomeações vão acelerar a nossa estratégia de crescimento mundial e ajudar a reforçar a nossa posição na Europa e noutros mercados internacionais", afirmou Sascha Mielcarek, diretor-geral da Tilray na Europa.

Um dos novos quadros da empresa é o português José Tempero, que trabalhava no setor farmacêutico e será o diretor dos assuntos médicos na Europa. A este juntam-se Arne Wilkens, vice-presidente de expansão de negócio, Maike Gerlach, vice-presidente de marketing, Nadja Frenzel, vice-presidente do desenvolvimento comercial, e ainda Natalie Bucceri, diretora de portefólio mundial.

Este passo é um aprofundamento da expansão na Europa cujo "hub" (pólo) se situa em Portugal. É a partir de Cantanhede que serão cultivados, processados e distribuídos os produtos da Tilray em território europeu. A investigação e desenvolvimento (I&D) também passará pelas instalações em território nacional. 

Em março, numa entrevista à Bloomberg, o CEO da Tilray, Brandan Kennedy, disse que "os Estados Unidos e a Europa são mercados de maior magnitude do que o Canadá" pelo que a "maioria dos investimentos no futuro serão feitos nesses dois países". No ano passado, Kennedy foi o segundo CEO mais bem pago dos EUA - com um ganho de 256 milhões de dólares, relativos, sobretudo, aos ganhos com a entrada em bolsa - apenas atrás de Elon Musk. 

Recorde-se que no início deste ano, o ex-ministro socialista Jaime Gama foi nomeado para ser um dos membros do conselho consultivo internacional da Tilray. 

Neste momento, a Tilray já exporta para países europeus onde a canábis medicinal é legal como é o caso da República Checa, da Alemanha, do Reino Unido, do Chipre e Croácia, esperando expandir-se para novos mercados europeus em breve. Fora da Europa e do Canadá, a empresa exporta ainda para a Argentina, Chile, Estados Unidos, África do Sul, Austrália e Nova Zelândia.

A Tilray estreou-se em Wall Street no verão de 2018, tendo a cotada atingido um máximo em outubro do ano passado. Contudo, as ações corrigiram, registando um ganho mais reduzido face ao preço inicial da entrada em bolsa.



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI