Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Carro eléctrico: Mercedes declara guerra à BMW e Tesla

A marca alemã está a preparar o lançamento de quatro modelos construídos do zero para disputar o crescente mercado de carros eléctricos de luxo.

André Cabrita-Mendes andremendes@negocios.pt 05 de Agosto de 2016 às 10:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
A Mercedes-Benz vai entrar na guerra do carro eléctrico. Apesar de já ter modelos eléctricos, a marca alemã prepara-se para criá-los de raiz de forma a desafiar a BMW e a Tesla no campo da mobilidade sustentável.

A Mercedes está assim a preparar o lançamento de dois jipes e de dois sedans, conforme avança a Bloomberg esta sexta-feira, 5 de Agosto. A marca de carros de luxo vai criar uma sub-marca para o carro eléctrico, mas o nome ainda não foi escolhido.

A Tesla veio criar um novo paradigma nos carros eléctricos de luxo, através do sucesso nas vendas do Model S. Já a BMW tem investido em fibra de carbono e num design futurístico para a sua gama "i".

Até agora, a Mercedes limitava-se a tornar eléctricos os modelos já existentes, mas a marca de Estugarda quer ir mais além. Prepara-se assim para começar a vender uma gama de eléctricos criados do zero até 2020.

Mas a Daimler, casa mãe da Mercedes, está a preparar mais inovações até 2020, como o primeiro camião eléctrico. Também a marca Smart deverá ganhar motorizações eléctricas nos próximos anos.

É de destacar que a Daimler tem vindo a ganhar experiência na produção de carros eléctricos nos últimos anos. A companhia forjou uma parceria com a chinesa BYD para produzir eléctricos. Nasceu assim o Denza, que começou a ser produzido em 2014 e que só está disponível para o mercado chinês.

A luta pelo mercado de carros eléctricos de luxo está assim ao rubro. Depois do Model S da Tesla ter criado o paradigma, as marcas europeias têm vindo a reagir, como a Porsche que vai lançar o Mission E, a resposta europeia à Tesla.

Portugal vai contribuir para os modelos eléctricos da Porsche, com a companhia Efacec a fornecer carregadores rápidos para a marca alemã.

Os eléctricos da Mercedes vão ser produzidos na fábrica de Bremen na Alemanha. Esta fábrica vai também produzir o modelo GLC a célula de combustível que tanto pode ser carregado com hidrogénio como com electricidade. Este protótipo vai ter uma autonomia de 500 quilómetros numa única carga.
Ver comentários
Saber mais Mercedes-Benz BMW Bloomberg BYD Porsche Efacec automóvel carro eléctrico tesla
Mais lidas
Outras Notícias