Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bruxelas aperta meta do malparado para a CGD

As negociações entre o Estado e Bruxelas levaram a Caixa a fazer uma troca dos activos internacionais a alienar e ditaram um novo objectivo para a diminuição do peso do crédito malparado.

Lusa
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 29 de Julho de 2018 às 21:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
O objectivo de diminuição da carteira de crédito malparado da Caixa Geral de Depósitos ficou mais exigente. A Comissão Europeia aponta para um rácio de 7% do total do portefólio. A gestão de Paulo Macedo afirma querer reduzir ainda mais.

A CGD tem como objectivo do plano estratégico ter um rácio de malparado inferior a 7%, um número que, de acordo com Paulo Macedo, está cinco pontos percentuais abaixo da ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais CGD Caixa Geral de Depósitos Paulo Macedo malparado crédito malparado
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias