Banca & Finanças Santander compra 50,1% da Ebury por 350 milhões de libras

Santander compra 50,1% da Ebury por 350 milhões de libras

O Santander anunciou a compra de uma participação maioritária no capital da Ebury, empresa que opera na área de negociação e cambial para pequenas e médias empresas (PME). Vai investir 350 milhões de libras.
Santander compra 50,1% da Ebury por 350 milhões de libras
Negócios 04 de novembro de 2019 às 10:28

O Banco Santander anunciou a compra de 50,1% da Ebury por 350 milhões de libras (405 milhões de euros).

 

"O investimento, que faz parte da estratégia digital do Santander para acelerar o crescimento através de novos empreendimentos, irá reforçar os seus serviços de comércio global e continuará consolidando a posição do Santander como banco preferencial para PME que já têm ou aspiram a ter relações comerciais a nível internacionalmente nos seus mercados na Europa e nas Américas, bem como posteriormente na Ásia", realça o Santander no comunicado emitido.

 

"A Ebury, que opera em 19 países e 140 moedas, tem gerado um crescimento médio anual consistente de 40% nos últimos três anos", acrescenta a mesma fonte.

 

A Ebury está presente em Portugal, tendo a sua sede no país na Avenida da Liberdade.

 

O Santander explica que a empresa britânica "opera numa plataforma de distribuição única em todo o mundo, fundamentada num modelo de negócios acionado por dados, e oferece uma excelente experiência para o cliente e recursos de produtos."

 

"Dentro das condições da transação, o Santander irá adquirir 50,1% da Ebury pelo valor de 350 milhões de libras esterlinas, dos quais 70 milhões de libras representarão novas ações primárias (aproximadamente 80 milhões de euros), como suporte para os planos da Ebury de entrar em novos mercados na América Latina e na Ásia", adianta o Santander.


"O banco espera um retorno superior a 25% do capital investido (RoIC) em 2024", acrescenta o banco liderado por Ana Botín.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI