Comércio Subida das vendas a retalho em Portugal supera média da Zona Euro pelo quarto mês

Subida das vendas a retalho em Portugal supera média da Zona Euro pelo quarto mês

As vendas a retalho em Portugal cresceram 3,4% em Agosto, em comparação com o mesmo mês do ano passado, quando na Zona Euro a subida foi de apenas 1,8%. É o quarto mês consecutivo em que as vendas nacionais superam a média dos parceiros do euro.
Subida das vendas a retalho em Portugal supera média da Zona Euro pelo quarto mês
Miguel Baltazar/Negócios
Rita Atalaia 03 de outubro de 2018 às 11:18

As vendas a retalho em Portugal cresceram 3,4% em Agosto face ao mesmo mês do ano passado, uma subida que volta a superar a média da Zona Euro de apenas 1,8%, revela o Eurostat esta quarta-feira, 3 de Outubro.

É o quarto mês consecutivo em que as vendas a retalho de Portugal superam a média tanto da Zona Euro como da União Europeia, em termos homólogos. Além disso, os dados mais recentes também revelam uma aceleração das vendas nacionais, já que no mês anterior se registou uma subida de 2,2% face ao mesmo período do ano passado. 

De acordo com o gabinete estatístico da União Europeia, o aumento de 1,8% observado na Zona Euro deve-se sobretudo ao crescimento de 2,9% nas vendas de produtos não alimentares e de 0,9% nas vendas de alimentos, bebidas e tabaco.

No conjunto dos 28 Estados-membros da União Europeia, o volume de negócio do comércio a retalho avançou 2,4% em Agosto. Isto depois de as vendas de produtos não alimentares terem crescido 3,5%. Os maiores aumentos aconteceram na Irlanda (+7,9%), Lituânia (+7,4%), Hungria (+6,8%) e Polónia (+6,5%).

Em cadeia, Portugal também ficou bem na fotografia. As vendas a retalho cresceram 1,1%, contrariando a tendência na Zona Euro, onde se registou um recuo de 0,2% em Agosto.

O Eurostat explica esta descida com a queda de 0,6% da venda de combustíveis e de 0,3% das vendas de alimentos, bebidas e tabaco.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI