Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Contratos de obras públicas em mínimos históricos

O volume de contratos de obras públicas situou-se em 27 milhões de euros em Janeiro atingindo mínimos históricos. Já a promoção de concursos disparou para máximos dos últimos quatro meses.

Negócios 16 de Fevereiro de 2016 às 15:50
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

No mês de Janeiro os concursos e empreitadas de obras públicas executados totalizaram 117 milhões de euros, um máximo que já não era alcançado desde Setembro passado, de acordo com o Barómetro de Obras Públicas, divulgado esta terça-feira, 16 de Setembro, pela AICCOPN – Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas.

 

Este valor representa ainda uma subida de 4,3% face a Dezembro e uma escalada de 49,9% em comparação a Janeiro de 2015, mês que ficou marcado por ter tido um dos piores registos de sempre no que toca à promoção de concursos.

 

Pelo contrário, os contratos celebrados no mês passado situaram-se apenas em 27 milhões de euros, um valor nunca antes registado pelo Barómetro de Obras Públicas que começou a ser publicado em 2011. Trata-se de uma queda de 75% face ao mês passado e 69% em comparação ao período homólogo.

 

O anterior mínimo histórico, relativo a Novembro de 2015, era de 79 milhões de euros, o que "demonstra bem a dimensão da quebra agora registada", frisa a AICCOPN.

 

Por segmento, os contratos celebrados por ajustes directos totalizam 15 milhões de euros, menos 52% em termos homólogos.

 

Já os contratos através de concursos públicos somaram 11 milhões de euros, o que corresponde a uma queda de 78% face ao apurado em Janeiro de 2015, "aprofundando-se o diferencial entre obras concursadas e respectivas obras contratadas", acrescenta a associação.

Janeiro foi o primeiro mês completo em funções no governo liderado por António Costa.

Ver comentários
Saber mais AICCOPN construção e obras públicas Industriais da Construção Civil e Obras Públicas obras públicas
Mais lidas
Outras Notícias