Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Benfica no "verde", Sporting e Porto no "vermelho"

Menores receitas com jogadores, com as competições europeias, mas também os encargos com a dívida pesaram nas contas dos "grandes" do futebol. O Sporting foi castigado pelos 14 milhões do processo da Doyen.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

Não foi um bom arranque de época para as Sociedades Anónimas Desportivas (SAD), pelo menos no campo financeiro. De lucros, os "grandes" do futebol nacional passaram para prejuízos, excepto o Benfica, num período em que a quebra nas vendas de jogadores fez mossa nos resultados. E em que com os passivos a avolumarem-se, os encargos com a dívida voltaram a pesar nas contas. O resultado final é mais negativo para o Sporting que passou a ter capitais próprios negativos.

 

31,1 milhões de euros… negativos. Foi este o saldo do primeiro semestre fiscal das SAD, terminado em Dezembro. Um prejuízo avultado, especialmente se se tiver em conta que no mesmo período do ano passado tinham sido registados lucros de 28,44 milhões. E se há um ano tinha sido o Sporting a destacar-se pela positiva, desta vez destaca-se pela negativa: teve um prejuízo de 18,15 milhões, mais que o do Porto, enquanto o Benfica lucrou 4,63 milhões de euros.

 

O prejuízo do Sporting é "maioritariamente influenciado pelo efeito não recorrente que decorre do processo Doyen no valor de 14,24 milhões de euros", refere a SAD. Mas também traduz "um aumento dos gastos com pessoal que surge por via da contratação de novos atletas e equipa técnica [Jorge Jesus] e por via da renovação de contratos com jogadores já pertencentes ao plantel". Este facto levou a que os resultados operacionais do Sporting considerando jogadores tivesse sido negativo.

 

Os resultados operacionais do clube de Alvalade e do Porto foram ambos negativos, com os "azuis e brancos" a acusarem as menores receitas das competições europeias. Só o Benfica consegue resultados operacionais positivos, por causa dessas mesmas competições. Obteve 20,5 milhões de euros, acima dos 13 registados no mesmo período do ano passado.

 

Peso da dívida

 

A dívida também teve um custo superior para o Sporting e o Benfica, aliviando muito ligeiramente no caso do Porto (-0,76%). No total, os custos ascenderam a 18,8 milhões de euros. Um "fardo" que colocou maior pressão nas contas, sendo que com os prejuízos registados neste arranque de campeonato, os passivos cresceram mais.

 

É o Benfica que tem o maior passivo, de 429,39 milhões, mas foi no Porto e no Sporting que este mais aumentou com os prejuízos: cresceu 3,17% e 8,9% para 287 e 255 milhões, respectivamente. Uma situação que se tornou mais preocupante para o clube de Alvalade já que desta forma o passivo ficou mais pequeno que os activos, levando-o a apresentar capitais próprios negativos em 11,2 milhões de euros. O Benfica tem capitais positivos em 5,6 milhões, já o Porto tem de 66,2 milhões.

Ver comentários
Saber mais SAD Benfica Sporting Porto Jorge Jesus SAD desporto clubes
Outras Notícias