Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Donos da Budweiser pedem aos accionistas da SABMiller para não deixar escapar fusão

A AB InBev, produtora de marcas de cerveja como a Budweiser, pediu aos accionistas da SABMiller para não deixarem escapar a oportunidade da fusão entre as empresas. A SABMiller já rejeitou três vezes as propostas da AB InBev.

Bloomberg
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Desde o dia 16 de Setembro que se sucedem as notícias sobre duas grandes empresas mundiais de cerveja. Nesta data, começaram as notícias que Brewer Anheuser-Busch InBev (AB InBev), que produz marcar como a Budweiser e a Stella Artois, estava a preparar uma oferta pela SABMiller. E desde então muito se tem escrito sobre o tema. Quase todas as notícias são sobre tentativas de avanços e sucessivos recuos.

Ainda esta quarta-feira, chegou a última notícia: a SABMiller rejeitou a proposta de compra – no valor de 92 mil milhões de euros - apresentada pela AB InBev. O conselho de administração da SABMiller votou unanimemente contra a oferta. O conselho de administração da empresa, a segunda maior fabricante de cerveja mundial, votou unanimemente contra a oferta de compra apresentada pela AB InBev.

Esta quarta-feira, 7 de Outubro, a fabricante sediada na Bélgica apresentou publicamente aquela que foi já a terceira oferta de compra pela empresa anglo-sul-africana, desta feita num valor de 92 mil milhões de euros. Esta oferta seguiu-se a uma proposta informal de cerca de 89,9 mil milhões de euros apresentada na última terça-feira.

Segundo avançava ontem o The Guardian, na votação no conselho de administração da dona de marcas como a Peroni e a Grolsch, que decidiu pela rejeição da proposta de compra, o maior accionista do grupo, a Altria, que apoia a fusão entre as duas empresas, acabou por não participar.

Fica agora a faltar menos de uma semana para a data limite estabelecida pela dona de marcas como a Budweiser ou a Corona. A fabricante belga decidira apontar um prazo máximo para uma eventual concretização do negócio de forma a colocar pressão sobre a SABMiller.

E é na sequência desta terceira rejeição, que a AB InBev apela agora aos accionistas da concorrente para não deixar escapar a oportunidade de uma fusão entre as duas companhias. De acordo com a BBC, Carlos Brito, CEO da AB InBev, considera que "a nossa proposta cria um valor significativo para todos".

"Se os accionistas concordarem que devemos estar em discussões sérias, deveriam manifestar as suas opiniões e não deviam permitir que a administração da SABMiller contrarie este processo e deixem que esta oportunidade escape", acrescentou em comunicado citado pela estação britânica.

A AB InBev também refutou o argumento da SABMiller que apontava que autoridades da concorrência iriam vetar o acordo. "Em conjunto com os seus conselheiros, a AB InBev desenvolveu um trabalho significativo em questões regulatórias e identificou soluções que dão um caminho claro para um fim", ou seja, que permita um negócios, revelou o líder da empresa, segundo a Bloomberg.

Ver comentários
Saber mais Brewer Anheuser-Busch Budweiser Stella Artois AB InBev Bélgica Carlos Brito BBC cervejas
Outras Notícias