Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Elisa Ferreira pede urgência no sistema europeu de protecção de depósitos

A eurodeputada pediu urgência na implementação do sistema único de protecção de depósitos e numa linha comum para capitalizar bancos alvo de resolução, evitando "que os diabos escondidos nos detalhes" derrubem o que já se construiu.

elisa ferreira eurodeputada banco de portugal
Bruno Simão
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 17 de Maio de 2016 às 12:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

"Urge, por questões técnicas e de boa fé, concluir o que está em falta na União Bancária, ou seja, implementar a garantia comum de depósitos, mesmo na versão actual, e o 'backstop' [linha de financiamento comum] para o mecanismo único de resolução, afirmou Elisa Ferreira esta terça-feira, 17 de Maio.

 

A eurodeputada, que falava a título pessoal na conferência "O presente e o futuro do sector bancário", organizada em Lisboa pela Associação Portuguesa de Bancos (APB) e pela TVI, começou por assumir que "há elementos fundamentais da arquitectura da união bancária que estão em falta", como o fundo europeu de garantia de depósitos e a linha financeira de reforço do fundo europeu.

 

Elisa Ferreira criticou o facto de o fundo europeu ter sido substituído por uma proposta de resseguro, mas, ainda assim, defendeu a necessidade de adoptar este sistema europeu de protecção dos depósitos.

 

"A união bancária tem tal dificuldade que não pode estar dependente de circunstâncias políticas nem de vontades que estão sempre a mudar. Ou corremos o risco de ficar com um  bolo meio cozido, que pode tornar-se amargo. É preciso fazer o que for necessário para evitar que os diabos escondidos nos detalhes deitem por terra o que já construímos", apelou.

 

(Notícia actualizada às 12:39 com mais informação)

Ver comentários
Saber mais Lisboa Associação Portuguesa de Bancos APB União Bancária política
Mais lidas
Outras Notícias