Empresas Gigante do aço falha resgate e entra em insolvência

Gigante do aço falha resgate e entra em insolvência

A British Steel, segunda maior produtora de aço do Reino Unido, não conseguiu garantir um empréstimo estatal de emergência de 30 milhões de libras e já deu início ao processo de insolvência. Cerca de 25 mil postos de trabalho ficam agora em risco.
Gigante do aço falha resgate e entra em insolvência
Reuters
Rita Faria 22 de maio de 2019 às 14:05

A British Steel, que precisava de assegurar um financiamento de emergência de 30 milhões de libras, falhou as negociações com o Governo e já deu início ao processo de insolvência, colocando milhares de postos de trabalho em risco.

De acordo com o Financial Times, o Supremo Tribunal ordenou a liquidação da gigante do aço, e já nomeou um administrador de insolvência, que vai gerir o processo juntamente com a EY.

Este desfecho acontece depois do fracasso das negociações entre o Governo britânico, o fundo de investimento Greybull Capital, que detém a British Steel, e os credores da empresa, que precisava de assegurar um empréstimo estatal de emergência de 30 milhões de libras. Este montante – que inicialmente era de 75 milhões de libras – fora pedido pela gestão da empresa para enfrentar uma forte quebra das encomendas que atribuiu à incerteza em torno do Brexit.

De acordo com fontes citadas pelo FT, as negociações fracassaram porque o Governo considerou que o empréstimo quebraria as regras europeias relativas às ajudas de Estado.

Agora, a gestão da empresa ficará nas mãos do administrador de insolvência David Chapman que, em comunicado, esclareceu que a sua prioridade imediata é "continuar com as operações" da British Steel. "A empresa em liquidação continua a operar e a fornecer os seus clientes, enquanto avalio as opções. Os funcionários foram pagos e continuarão a ter emprego", acrescentou.

A segunda maior produtora de aço do Reino Unido tem 5 mil funcionários, a maioria dos quais em Scunthorpe, no norte de Inglaterra, ainda que dela dependam mais 20.000 mil empregos indiretos.

A British Steel é a antiga unidade britânica da indiana Tata Steel, que enfrentava sérias dificuldades financeiras em 2016. A empresa acabou por ser comprada nesse mesmo ano, por uma libra pelo fundo de investimento Greybull Capital, os antigos donos da companhia aérea Monarch, que entrou em insolvência em outubro de 2017.

 

A Greybull Capital mudou o nome da empresa para British Steel e seguiu com as operações, mas não conseguiu reverter as dificuldades no negócio.

 

Agora, a empresa de investimento garante que estará ao lado de todos os envolvidos. "A recuperação da British Steel seria sempre um desafio, e ainda assim a empresa superou muitas dificuldades, e até recentemente parecia estar pronta para uma prosperidade renovada. Agora estamos focados em ajudar todos os envolvidos da melhor maneira possível durante este processo", informou.

O ministro da Indústria do Reino Unido, Greg Clark, disse à Sky News que a British Steel está agora "aberta a novos donos".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI