Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Blackstone caem 89% no quarto trimestre

A Blackstone, gestora do maior fundo mundial de "buyout", anunciou um queda de 89% dos lucros do quarto trimestre, na sequência de um "desastre" nos mercados de crédito, tendo advertido que obter empréstimos para lançar ofertas de compra será difícil em 2

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 10 de Março de 2008 às 14:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Blackstone, gestora do maior fundo mundial de "buyout", anunciou um queda de 89% dos lucros do quarto trimestre, na sequência de um "desastre" nos mercados de crédito, tendo advertido que obter empréstimos para lançar ofertas de compra será difícil em 2008.

Os lucros do grupo, excluindo alguns custos de compensação, diminuíram para 88 milhões de dólares, ou oito cêntimos por acção, contra 808,1 milhões (72 cêntimos por acção) um ano antes, anunciou a Blackstone em comunicado.

Os analistas inquiridos pela Bloomberg apontavam para previsão média de 20 cêntimos por acção.

"As difíceis condições de mercado nos Estados Unidos e na Europa mantêm-se em 2008 e não há muitos sinais que indiquem quando é que essas condições poderão melhorar", afirmou no comunicado o "chairman" Stephen Schwarzman. No entanto, o mesmo responsável adiantou que, apesar da situação desastrosa nos mercados de crédito, a empresa ainda vislumbra oportunidades de negócio, especialmente na Ásia.

Os títulos da Blackstone já perderam 53% desde que começaram a ser cotados, em Junho do ano passado uma vez que o duplicar dos custos com o crédito arrefeceu o mercado de leverage buyout (LBO - aquisição de uma empresa essencialmente através do recurso a fundos alheios, normalmente por parte de um grupo em que se incluem alguns dos gestores da empresa-alvo).

A Blackstone não conclui uma oferta de compra superior a dois mil milhões de dólares há cinco meses e tem-se debatido para fechar o acordo de "buyout" da Alliance Data Systems, no valor de 6,6 mil milhões de dólares.

Mais lidas
Outras Notícias