Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Passivo da Benfica SAD aumenta para 246 milhões após reestruturação

O Benfica anunciou hoje os vários passos da reestruturação financeira que vai implementar para sair da situação de falência técnica. O clube sobe a posição na SAD para 68%, depois de transferir dívidas e o Estádio para a empresa cotada, que vê assim o seu capital próprio melhorar e o passivo disparar para 246 milhões de euros.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 10 de Dezembro de 2009 às 09:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...
O Benfica anunciou hoje os vários passos da reestruturação financeira que vai implementar para sair da situação de falência técnica. O clube sobe a posição na SAD para 68%, depois de transferir dívidas e o Estádio para a empresa cotada, que vê assim o seu capital próprio melhorar e o passivo disparar para 246 milhões de euros.

Em comunicado enviado à CMVM, a Benfica SAD detalha a proposta de reestruturação financeira que a direcção do clube vai propor aos accionistas da SAD que seja aprovada na assembleia geral a 15 de Dezembro.

Este processo é composto por um total de cinco passos, que visam reforçar os capitais próprios da SAD, que no final do último exercício apresentava uma situação de falência técnica, com capitais próprios negativos de 11,79 milhões de euros.

O primeiro passo representa um aumento de capital de 40 milhões de euros da SAD, contra a entrada de acções da Benfica Estádio, que neste processo fica avaliada em 98,2 milhões de euros.

Numa segunda fase o Benfica vende à Benfica SGPS acções da SAD, seguindo-se a venda de activos do clube à SAD, constituindo o quarto passo a cedência de dívidas entre as várias empresas do Grupo Benfica.

O quinto passo passa pela fusão da Benfica Estádio com a SAD, uma operação que será pedida aprovação aos accionistas, mas fica para já suspensa, “dado que face aos condicionamentos inerentes ao project finance terá de ser analisado se os benefícios gerados para o Grupo Sport Lisboa e Benfica são superiores aos eventuais custos associados”.

Clube sobe posição na SAD

A reestruturação financeira implica um reforço da posição do clube no capital da SAD. Actualmente o Benfica controla 40% da SAD e a Benfica SGPS detém 11%. Após as várias operações desenhadas, o clube passará a deter, directa e indirectamente, um total de 68% do capital da SAD, que assim reduzirá a percentagem de capital disperso em bolsa.

A SAD melhora consideravelmente os seus capitais próprios, que sobem para 28,2 milhões de euros, um valor que representa 25% do novo capital social (115 milhões de euros).

Contudo, vê também agravado de forma acentuada as suas dívidas. O passivo aumenta de 178,6 para 246,8 milhões de euros.

Um agravamento de 68,2 milhões de euros, que na prática é compensado pela redução do passivo do Benfica Clube, que desce de 162 para 78 milhões de euros e reflecte o facto de a SAD passar a controlar 100% da Benfica Estádio, quando antes era o clube que detinha a totalidade do capital.

Se actualmente o clube apresenta uma dívida de 77 milhões de euros às empresas da SAD, no final do processo passa a ser credora da SAD em 5,1 milhões de euros.

Ver comentários
Outras Notícias