Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

“Se nada for feito até ao fim de maio muitos restaurantes fecham”

Com limites à ocupação e poucos clientes, a reabertura dos restaurantes foi “tímida”. Ana Jacinto, secretária-geral da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), diz que sem apoios urgentes, será impossível evitar falências e despedimentos.

Este conteúdo é exclusivo para Assinantes Assine já! Se já é assinante faça LOGIN
Ana Sanlez anasanlez@negocios.pt 24 de Maio de 2020 às 22:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

Na primeira semana de desconfinamento, a AHRESP recebeu relatos de empresários que serviram uma refeição por dia. Ainda assim, Ana Jacinto rejeita que o regresso à atividade tenha sido precipitado, e afirma que as regras de higiene em vigor são “comuns”.

Os restaurantes reabriram há uma semana. Que balanço faz destes primeiros dias, após dois meses de encerramento?

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais AHRESP Ana Jacinto conversa capital entrevista
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias