Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Telefónica e Airtel Vodafone dispostas a partilhar rede UMTS

A Telefónica Movilés e a Airtel Vodafone revelaram-se hoje dispostas a partilharem as suas redes de UMTS com outros operadores em Espanha, de modo a reduzir custos e iniciar a comercialização de terminais com a nova tecnologia em 2003.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 05 de Outubro de 2001 às 19:32
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Telefónica Movilés e a Airtel Vodafone revelaram-se hoje dispostas a partilharem as suas redes de UMTS com outros operadores em Espanha, de modo a reduzir custos e iniciar a comercialização de terminais com a nova tecnologia em 2003.

As duas empresas estão dispostas a partilharem as infra-estruturas para o UMTS, mas para isso avisam que as autoridades competentes devem incentivar os operadores a tomarem estas medidas, segundo declarações dos presidentes das duas empresas prestadas ao «site» ExpansionDirecto.

O presidente da Airtel Vodafone sinalizou que a partilha das redes é imprescindível para reduzir os custos e investimentos com o UMTS, continuando a oferecer a tecnologia a preços atractivos para os clientes.

As operadores europeias que ganharam uma licença de UMTS estão a realizar acordos com as suas rivais na construção das redes de UMTS, dado os elevados custos que estas acarretam e também devido ao atraso na disponibilização da tecnologia

Em Portugal também a Optimus e a Telecel Vodafone, que tal como a Airtel é controlada pela britânica Vodafone, já anunciaram estarem dispostas a partilharem as redes de UMTS.

A Airtel também anunciou hoje o adiamento da introdução do UMTS para 2003, outra medida já anunciada por diversas companhias do sector, que enfrentam atrasos da disponibilidade dos terminais.

Tal como a Telecel Vodafone, a Airtel Vodafone vai passar a denominar-se apenas Vodafone este mês, numa iniciativa em que a empresa portuguesa é pioneira.

Outras Notícias