Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dona da Zara regressa aos níveis pré-pandemia enquanto H&M falha expectativas

A espanhola Inditex regressou aos níveis de 2019 em termos de vendas e receitas, muito graças ao seu departamento de comércio eletrónico, onde investiu 11 mil milhões na última década.

Bloomberg
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 15 de Setembro de 2021 às 08:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A espanhola Inditex, dona da Zara ou da Massimo Dutti, tornou-se a primeira grande retalhista de roupa a regressar ao nível pré-pandemia entre as rivais na Europa, em termos de receitas e de lucros. Em sentido contrário, a sueca H&M continua a desapontar em termos de vendas.

Entre janeiro e julho deste ano, a Inditex alcançou um lucro de 1,27 mil milhões de euros e o EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) fixou-se nos 3,1 mil milhões de euros, mais do que duplicando face ao mesmo período de 2020. Em termos de vendas, a empresa anunciou que registou um ganho de 22% desde o início de agosto, o que lhe permitiu voltar a atingir os níveis de 2019.

Significa isto que, a partir de agosto, o crescimento de vendas mais do que duplicou face à rival H&M, que mostrou um forte abrandamento no continente asiático. No mesmo período em análise, as vendas da empresa sueca ficaram 31% aquém do que era esperado pelos analistas, apesar de o forte crescimento do segmento de online. 

Num período mais curto, entre junho e agosto, a H&M reportou receitas de 5,65 mil milhões de euros (55,6 mil milhões de kronas suecas), abaixo dos 5,47 mil milhões que eram esperados nos três meses até agosto.  

A empresa espanhola Inditex tem beneficiado do seu investimento de 11 mil milhões de euros na última década na sua plataforma online, que se veio a revelar fundamental para atravessar este período pandémico.

Agora, a dona da Zara espera atingir mais de um quarto das vendas totais através das plataformas online, tanto no site como na aplicação. As suas ações estão a valorizar mais de 1% nesta quarta-feira, altura em que o mercado de ações continua globalmente no "vermelho".
Ver comentários
Saber mais Zara Inditex H&M Massimo Dutti Europa economia negócios e finanças Informação sobre empresas indústria transformadora ciência e tecnologia
Outras Notícias