Indústria Efapel “pedala” no estrangeiro para vendas de 42 milhões

Efapel “pedala” no estrangeiro para vendas de 42 milhões

A empresa da Lousã, conhecida pela equipa de ciclismo e pelo patrocínio ao futebol da Académica, fechou o ano com uma subida de 9% na faturação, puxada pelas exportações para a Europa.
Efapel “pedala” no estrangeiro para vendas de 42 milhões
DR
António Larguesa 22 de janeiro de 2020 às 12:37

O ritmo de vendas da Efapel nos mercados internacionais quase duplicou a performance global da empresa em 2019, com o crescimento de 15% fora de portas a contribuir para o aumento de quase dois dígitos na faturação, para 42 milhões de euros.

 

Com presença comercial em mais de 50 países da Europa, África, Médio Oriente e América Latina, a exportação já representa cerca de 30% do negócio da maior fabricante nacional de aparelhagem elétrica de baixa tensão, sediada em Serpins, no concelho da Lousã.

 

Os mercados europeus são os mais relevantes para a companhia, que tem apostado na divulgação da marca no exterior através da participação em feiras do setor. Em março volta a fazer as malas para rumar à "Light & Building", em Frankfurt (Alemanha), o maior certame de iluminação, arquitetura, eletrónica e automatização de edifícios.

 

Fundada em 1978, a Efapel é liderada por Américo Duarte emprega cerca de 400 pessoas. Fora do país, a empresa conta desde 2015 com uma empresa em Espanha, que está instalada em Vigo, e abriu há meio ano uma subsidiária em França, com sede em Saint-Germain-en-Laye, nas imediações de Paris.

 

Numa nota enviada ao Negócios, a empresa assegura que já renovou o contrato de patrocínio com a equipa de futebol da Académica de Coimbra para a próxima época desportiva e que vai manter também a equipa de ciclismo a participar nas principais provas nacionais.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI