Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Argumentistas de Hollywood evitam primeira greve em 10 anos

A Writers Guild of America reclamava pagamentos mais altos por episódio, numa altura em que o sector assiste a séries mais curtas e à concorrência da Netflix e da Amazon.

Bloomberg
Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 02 de Maio de 2017 às 11:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A associação que representa os argumentistas de filmes e programas de televisão em Hollywood chegou a acordo com os estúdios de Hollywood para um novo contrato colectivo de trabalho de três anos. Deste modo, evitaram uma nova greve e um "blackout", com a suspensão de programas.

 

As negociações arrastaram-se para depois da meia-noite, quando terminava o anterior contrato. "A vossa comissão de negociação orgulha-se de anunciar que atingimos uma tentativa de acordo", anunciou a Writers Guild of America esta terça-feira, 2 de Maio.

 

Do outro lado do pacto está a Alliance of Motion Picture and Television Producers, que representa estúdios como a Walt Disney, CBS, Century Fox ou Time Warner.

 

A maratona de negociações impediu uma nova greve dos argumentistas, que se transformaria na primeira em dez anos. A última, em 2007-2008, custou mais de dois mil milhões de dólares à economia californiana.

 

A Writers Guild of America, que representa cerca de nove mil pessoas, reclamava pagamentos mais altos por episódios, depois de uma queda de 23% nos últimos dois anos, e um reforço nos direitos de autor pelas reposições.

 

As reivindicações surgem numa altura em que se acentua a concorrência de plataformas online como a Netflix e a Amazon e o número de episódios por temporada assiste a uma quebra média de 22 para 10.

 

O sindicato estima que as exigências agora acordadas representem custos de 156 milhões de euros para os estúdios.

Ver comentários
Saber mais Hollywood Amazon Writers Guild of America Walt Disney CBS Century Fox Time Warner Netflix economia negócios e finanças economia (geral) media televisão
Mais lidas
Outras Notícias