Tecnologias Augusto Santos Silva: Dimensão de segurança do 5G é "muitíssimo importante" para o Governo

Augusto Santos Silva: Dimensão de segurança do 5G é "muitíssimo importante" para o Governo

O ministro dos Negócios Estrangeiros destacou esta segunda-feira a importância da transição digital para "o pleno aproveitamento da capacidade de revolução tecnológica da nova geração de comunicações", mas assegurou que o Governo português vai conduzir "um processo simples e aberto", com a modalidade de atribuição - leilão ou concurso - já em discussão pública.
Augusto Santos Silva: Dimensão de segurança do 5G é "muitíssimo importante" para o Governo
Rodrigo Antunes/Lusa
Lusa 18 de novembro de 2019 às 22:06
O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, assegurou esta segunda-feira que o Governo considera "muitíssimo importante" a dimensão de segurança da transição para o 5G e está a trabalhar com os parceiros europeus para reduzir vulnerabilidades e riscos.

"A questão da geração de redes de comunicações é tecnológica, económica, social, mas é também de segurança. Na medida em que as redes de comunicações serão críticas para o funcionamento de infraestruturas tão importantes como cidades, portos, aeroportos, quartéis, hospitais, a questão do 5G tem uma dimensão de segurança que é para nós muitíssimo importante", afirmou.

O ministro falava no encerramento de uma conferência sobre os 70 anos da NATO, organizada pela Fundação Luso-Americana, em Lisboa, e respondia a uma pergunta sobre os riscos de uma eventual parceria com a tecnológica chinesa Huawei para a transição para a quinta geração de comunicações móveis (5G).

Santos Silva destacou a importância da transição digital para "o pleno aproveitamento da capacidade de revolução tecnológica da nova geração de comunicações", mas assegurou que o Governo português vai conduzir "um processo simples e aberto", com a modalidade de atribuição - leilão ou concurso - já em discussão pública.

Além disso, Portugal está "envolvido no processo europeu para identificar os riscos e vulnerabilidades e identificar as formas e os meios de reduzir essas vulnerabilidades e riscos e conseguir que a passagem ao 5G reforce a economia e também a soberania", acrescentou.

Segundo o ministro, os relatórios de cada país já foram concluídos e entregues em julho, o relatório europeu sobre riscos e vulnerabilidades à escala europeia foi publicado em outubro e espera-se até ao fim do ano o relatório europeu sobre os meios de os evitar.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI