Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fundadores da Google vendem 900 milhões em ações

Larry Page e Sergey Brin, co-fundadores da Google e acionistas maioritários da Alphabet, dona da Google, já venderam desde maio 900 milhões de euros em ações da tecnológica, em várias operações de mercado.

Larry Page e Sergei Brin fundaram a Google em 1998 Bloomberg
Negócios jng@negocios.pt 01 de Agosto de 2021 às 12:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Segundo informação comunicada à Securities and Exchange Commission (SEC), regulador do mercado norte-americano, compilada pela OpenInsite, cujos dados são citados pela CNBC, os dois multimilionários venderam ações de classe A e C num valor total de 1,07 mil milhões de dólares. Ao câmbio atual trata-se de operações que ultrapassam os 901 milhões de euros.

Os dados mostram que as vendas em mercado levadas a cabo por Sergey Brin ascendem, desde maio, a 610 milhões de dólares (perto de 514 milhões de euros), enquanto Larry Page vendeu títulos num montante de 462 milhões de dólares (389 milhões de euros). Os dois investidores realizaram as operações no âmbito de planos de vendas pré-programados.

A última vez que Page e Brin tinham alienado ações da tecnológica foi em 2017 e, de então para cá, o valor dos títulos terá quase triplicado.

Larry Page e Sergey Brin fundaram a Google em 1998, deixaram funções executivas no grupo em 2019, mas mantêm-se como acionistas de referência, controlando 51% dos direitos de voto da Alphabet. A tecnológica apresentou lucros de 18,5 mil milhões de dólares no segundo trimestre do ano.

Ver comentários
Saber mais Google Larry Page Sergey Brin ações Alphabet venda
Outras Notícias