Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street pouco alterada à espera de progressos nas negociações EUA-Canadá. Nasdaq toca novo recorde

As bolsas dos Estados Unidos estão pouco alteradas esta quarta-feira, numa altura em que decorrem negociações entre os Estados Unidos e o Canadá sobre um acordo de livre comércio.

Bloomberg
Rita Faria afaria@negocios.pt 29 de Agosto de 2018 às 14:44
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os principais índices norte-americanos estão pouco alterados esta quarta-feira, 29 de Agosto, com os investidores à espera de progressos nas negociações entre os Estados Unidos e o Canadá sobre o acordo comercial que substituirá o NAFTA.

 

Nesta altura, o índice industrial Dow Jones desce 0,08% para 26.043,48 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq valoriza 0,20% para 8.045,86 pontos, depois de já ter marcado um novo máximo histórico nos 8.048,61 pontos. Já o S&P500 sobe 0,08% para 2.899,54 pontos.

 

Depois de os Estados Unidos e o México terem anunciado, na segunda-feira, um acordo bilateral, o Canadá está agora a negociar com a administração Trump os termos do acordo comercial que deverá juntar os três países da América do Norte.

 

Por outro lado, os investidores continuam a avaliar os progressos na relação entre os Estados Unidos e a China, antes de entrar em vigor, no final de Setembro, a próxima vaga de tarifas norte-americanas sobre 200 mil milhões de dólares de bens da China.

 

"Os investidores vão continuar concentrados nas negociações com o Canadá, e o entusiasmo vai continuar até termos notícias concretas sobre se os dois países chegam ou não a um acordo", afirma Peter Cardillo, economista-chefe da Spartan Capital Securities em Nova Iorque.

A influenciar o mercado estão ainda os dados revelados esta quarta-feira pelo Departamento do Comércio que mostram que a economia norte-americana cresceu 4,2% no segundo trimestre, quando a primeira leitura apontava para uma subida do PIB de 4,1%. 

 

Em destaque na sessão de hoje estão os títulos da Amazon, que valorizam 1,12% para 1.954,46 dólares, e os da Alphabet, com uma subida de 0,89% para 1.256,99 dólares, depois de o Morgan Stanley ter revisto em alta o preço-alvo para as duas empresas.

 

Do lado das descidas, destaca-se a Dick's Sporting Goods, que afunda 8,63% para 33,21 dólares, depois de ter anunciado que as vendas comparáveis desceram mais do que o esperado.

 

A reagir aos resultados está também a Shoe Carnival, que dispara 17,40% para 43,33 dólares, depois de ter superado as estimativas de lucros.

Ver comentários
Saber mais Estados Unidos Wall Street Nasdaq bolsas
Outras Notícias