Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street em queda à espera da indicações da Fed

Os principais índices bolsistas norte-americanos arrancaram a semana em queda, numa altura em que o mercado aguarda pelo discurso de Lael Brainard, membro da Reserva Federal dos Estados Unidos.

Reuters
Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 12 de Setembro de 2016 às 14:46
  • Partilhar artigo
  • ...

Foi no vermelho que as principais praças norte-americanas arrancaram a semana. O Dow Jones desce 0,39% para 18.014,22 pontos, o Nasdaq desvaloriza 0,30% para 5.110,633 pontos e o S&P500 recua 0,2% para 2.123,93 pontos.

Este comportamento tem lugar numa altura em que o mercado aguarda pelo discurso de Lael Brainard, membro da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed). A partir das palavras de Brainard os investidores vão tentar perceber qual o rumo da política monetária norte-americana. Na semana passada, o presidente da Fed de Boston, Eric Rosengren, advertiu que o banco central norte-americano está a esperar demasiado tempo para voltar a subir as taxas directoras, o que pode levar a um sobreaquecimento da economia dos EUA. O mercado assumiu, então, que os juros de referência poderão ser aumentados ainda este ano.

Entretanto, esta manhã, Dennis Lockhart, presidente da Fed de Atlanta, defendeu que está satisfeito com as garantias de que vão existir "discussões sérias" sobre uma subida dos juros. Não quis comentar se essa subida seria este mês, adianta a Bloomberg. Acrescentou ainda que a pressão dos salários está a "acelerar e a alargar-se à medida que vamos chegando ao emprego total". O presidente da Fed de Minneapolis, Neel Kashkari, por sua vez, disse numa entrevista que não vê urgência em tomar qualquer medida.

"As coisas estão mais calmas agora", disse Andrew Brenner, da National Alliance Capital Markets, à Bloomberg. "Parece que talvez as coisas ficaram fora de controlo na sexta-feira à tarde, sem que houvesse muita gente e talvez hoje vá ser mais moderado. Acções e obrigações - tudo está interligado agora e tudo depende do que vai acontecer quando o texto de Brainard for divulgado hoje", acrescentou.

Ver comentários
Saber mais wall street. Reserva Federal dos Estados Unidos Dow Jones S&P500
Outras Notícias