Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Novos contratos de crédito à habitação sobem 51% em 2015

O ano passado foi marcado por uma recuperação do crédito à habitação. O número de novos contratos disparou, mas ainda assim o saldo total continua a diminuir, fruto das elevadas amortizações realizadas.

Bruno Simão
Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 26 de Julho de 2016 às 12:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

Foram assinados mais de 43 mil novos créditos à habitação, no ano passado, revelou o Relatório de Acompanhamento dos Mercados Bancários de Retalho de 2015. Este número representa um aumento de 51% face ao ano anterior. E também o montante destes novos créditos disparou.


"O mercado do crédito à habitação registou em 2015 uma forte recuperação, face ao ano anterior, tendo aumentado o número de novos contratos e o montante de crédito concedido em 51% e 65%, respectivamente", refere o relatório do Banco de Portugal. Em todo o ano passado, foram assinados 43.041 créditos à habitação, num montante total de 3,9  mil milhões de euros.


O montante médio dos novos contratos aumentou em mais de 9% face a 2014 para os 90.065 euros. Já o prazo médio dos financiamentos passou de 30,8 anos para 32,1 anos. A quase totalidade dos financiamentos continua a ser a taxa variável, cerca de 89,5% do total. Já o "spread" médio das novas operações caiu em 67 pontos base face a 2014 para os 231 pontos base.


Contudo, este forte crescimento não foi suficiente para compensar as amortizações de financiamentos realizadas ao longo do ano passado. Nesse sentido, o valor global da carteira de crédito à habitação voltou a diminuir, ascendendo a 89,6 mil milhões de euros. 

Ver comentários
Saber mais Relatório de Acompanhamento dos Mercados Bancários de Retalho Banco de Portugal crédito habitação taxa variável amortizações
Mais lidas
Outras Notícias