Mercados Regulador norte-americano adia criação de ETF e pressiona bitcoin

Regulador norte-americano adia criação de ETF e pressiona bitcoin

O regulador norte-americano afastou a possibilidade de ser criado um ETF (fundo negociado em bolsa) de bitcoin até ao final deste ano. Isto está a pressionar a moeda digital, atirando-a para mínimos de Setembro de 2017.
Rita Atalaia 07 de dezembro de 2018 às 10:51

A bitcoin continua a agravar as perdas e a contagiar o resto do mercado das criptomoedas. A moeda digital está a negociar em mínimos de mais um ano, depois de o regulador norte-americano ter afastado a expectativa de que será criado um ETF (fundo negociado em bolsa) de bitcoin até ao final deste ano.

 

De acordo com a Bloomberg, a Securities and Exchange Commission planeia decidir até 27 de Fevereiro se aprova o ETF de bitcoin criado pela SolidX Partners e pela gestora de activos Van Eck Associates. Esta decisão está a levar a bitcoin a recuar 6,44% para 3.364,67 dólares, tocando o valor mais baixo desde Setembro de 2017.     
Esta queda está também a arrastar o mercado das moedas digitais. A ripple (XRP) está a perder 7,69%, enquanto a ethereum desce 11,14% e a litecoin cede 10,28%

 

A decisão em torno desta proposta era esperada em Dezembro, depois de vários adiamentos, e a nova data é mais um golpe para estas divisas, mantendo-as sob pressão. De acordo com a Bloomberg, um dos principais obstáculos é a falta de adopção destes activos por parte de entidades institucionais, em conjunto com receios em torno da regulação e segurança.

 

"O sentimento no mercado é muito mau. E quaisquer notícias negativas têm um efeito exponencial", afirmou Timothy Tam, co-fundador e CEO da CoinFi, à agência de notícias.

 

Com a mais recente desvalorização, a bitcoin já perde mais de 80% desde o máximo alcançado em Dezembro do ano passado, de quase 20 mil dólares, e está a caminho de um dos piores anos de sempre. Olhando para o mercado como um todo, este perdeu quase 730 mil milhões de dólares, de acordo com dados do CoinMarketCap.com.




Saber mais e Alertas
pub