Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A sua semana dia-a-dia: Habitação, plano de recuperação e cimeira europeia

Por cá, o primeiro-ministro vai reunir-se com os partidos para discutir o programa de recuperação e o INE divulga dados sobre a habitação. Lá fora, a Fed e uma cimeira europeia vão estar em foco.

Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 20 de Setembro de 2020 às 19:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Segunda-feira Juros na habitação em foco

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulga, no início da semana, os dados sobre as taxas de juro implícitas no crédito à habitação para agosto. Em julho, as taxas subiram para 0,95%, isto depois de já terem crescido no mês anterior dos mínimos históricos fixados em maio, para 0,932%. O aumento foi motivado pela evolução registada nos novos contratos de crédito celebrados nos últimos três meses, empréstimos onde as taxas implícitas do crédito aumentaram de 0,9% para 0,969%. 

Segunda-feira Primeiro-ministro reúne com partidos

António Costa vai iniciar, na segunda-feira, as consultas com os partidos com assento parlamentar, em torno do Programa de Recuperação e Resiliência. O primeiro-ministro irá depois discutir o plano no dia 23, quarta-feira, na Assembleia da República. O programa será em seguida apresentado publicamente em meados do próximo mês, na véspera de ser entregue à Comissão Europeia.

Terça-feira INE revela preços das casas

O Instituto Nacional de Estatística (INE) vai apresentar os números relativos ao índice de preços da habitação, para o segundo trimestre deste ano. Entre janeiro e março, o índice aumentou 10,3%, face ao mesmo período do ano passado. Uma evolução que, segundo disse o INE, pode ser explica pelas restrições impostas pelo estado de emergência, no contexto da pandemia covid-19.

Quarta-feira Investidores atentos à Fed

Os bancos centrais deverão continuar a influenciar os mercados esta semana. Jerome Powell, presidente da Reserva Federal dos EUA (Fed), deverá discursar perante um subcomité da Câmara dos Representantes sobre a crise provocada pela pandemia de covid-19, na quarta-feira. E sobre a resposta do banco central perante este cenário. Os investidores estarão atentos a quaisquer sinais sobre a perspetiva futura da Fed para a economia e o rumo da política monetária. Jerome Powell disse recentemente que deverá manter as taxas de juro baixas durante três anos, numa tentativa de apoiar a economia.

Quinta-feira Quantos funcionários públicos há?

A Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP) revela, na quinta-feira, a síntese estatística do emprego público, referente ao primeiro semestre do ano. O conjunto de dados e indicadores permitirá analisar quantos funcionários públicos existem e qual o seu rendimento médio.

Quinta-feira Cimeira europeia marca agenda

Os líderes europeus vão estar reunidos a partir de dia 24 de setembro. No centro da discussão estará a estratégia industrial no rescaldo da pandemia de covid-19, mas também a tensão entre a Turquia e a Rússia e a relação com a China. Os responsáveis irão, por outro lado, abordar a evolução das negociações sobre a saída do Reino Unido da União Europeia

Sexta-feira Como está a Segurança Social?

Será na sexta-feira que se ficará a conhecer a síntese de execução orçamental até agosto deste ano. De acordo com a síntese anterior, divulgada pela Direção-Geral do Orçamento, o saldo global da Segurança Social caiu de 1.611,3 milhões de euros em julho de 2019 para um valor negativo de 448,4 milhões de euros em julho deste ano.

Saber mais INE Fed Segurança Social economia negócios e finanças política habitação
Mais lidas
Outras Notícias