CMVM avisa obrigacionistas da PT que têm até 15 de Setembro para transferir títulos

  O alerta do regulador é para os titulares das obrigações emitidas pela Portugal Telecom International Finance que foram totalmente reembolsados.
Victor Machado
pub
Negócios 11 de setembro de 2018 às 17:28

Os detentores de títulos de dívida emitidos pela Portugal Telecom que já foram reembolsados na totalidade têm poucos dias para se desfazer dos títulos e assim evitar o pagamento de custos de manutenção e guarda.


O alerta foi lançado esta terça-feira pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).


Os investidores em causa podem "transferir as obrigações até ao próximo dia 15 de Setembro de 2018, devendo-se informar junto do seu intermediário financeiro dos procedimentos, e eventuais custos, para a transferência das obrigações, contudo deixando de suportar eventuais custos de manutenção e guarda", refere um comunicado do regulador.

A entidade liderada por Gabriela Dias (na foto) especifica que este alerta destina-se apenas aos credores "titulares das Obrigações emitidas pela Portugal Telecom International Finance, B.V. – em recuperação judicial ("PTIF"), emissão PTPTCYOM0008, e que tenham sido integralmente reembolsados no âmbito do programa para acordo com credores do Grupo OI".


Estes investidores, segundo a CMVM, tinham-se comprometido a "manter as suas Obrigações PTIF bloqueadas até ao cancelamento de toda a emissão ou, caso assim fossem instruídos pela Oi a transferir as Obrigações PT para uma conta de valores mobiliários junto de instituição financeira por ela indicada".

pub

pub