Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bruxelas vai receber 100 milhões de doses adicionais da vacina da Pfizer

Bruxelas recorreu à opção inscrita no acordo entre o bloco e a Pfizer/BioNTech, permitindo o acesso a 100 milhões de doses adicionais do fármaco.

EPA
Negócios jng@negocios.pt 19 de Abril de 2021 às 10:42
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
Através de um comunicado, a Pfizer indica que a União Europeia utilizou uma das opções descritas no acordo anterior, permitindo o acesso a 100 milhões de doses adicionais da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Pfizer e pela BioNTech.

"A Pfizer e a BioNTech anunciam hoje que vão fornecer 100 milhões de doses adicionais da [vacina] Cominarty, a vacina contra a Covid-19 das companhias, aos 27 estados-membros da União Europeia em 2021", é possível ler. As empresas especificam que este anúncio resulta da "decisão da Comissão Europeia de exercer a sua opção de compra de 100 milhões de doses adicionais, ao abrigo do acordo de compra assinado a 17 de fevereiro de 2021".

No total, indica o comunicado, o número de vacinas da Pfizer entregas à União Europeia eleva-se para os 600 milhões.

É ainda indicado que estas doses da vacina serão "produzidas pela BioNTech e pela Pfizer nos locais de produção na Europa".

Na semana passada, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciou que o bloco iria receber 50 milhões de doses da vacina da Pfizer ao longo do segundo trimestre, com o objetivo de acelerar a campanha de vacinação. 

Neste momento, a Agência Europeia do Medicamento aprovou quatro vacinas contra a covid-19 para serem utilizadas na campanha de vacinação na Europa - o fármaco da Pfizer, da Moderna, AstraZeneca e ainda a vacina da Johnson & Johnson.
Ver comentários
Outras Notícias