Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Quatro em cada 5 mortes por covid-19 em julho foram em Lisboa e Vale do Tejo

Lisboa e Vale do Tejo regista em julho quase 11 vezes mais óbitos por covid-19 do que o Norte, sendo que o Alentejo é a segunda região com mais mortes pela doença desde o início do mês.

Jorge Nuñez/EPA
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 19 de Julho de 2020 às 16:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Lisboa e Vale do Tejo (LVT) regista 87 mortes por covid-19 desde o início de julho, o que corresponde a 79% dos 110 óbitos devido à doença neste período, de acordo com os dados da Direção-Geral de Saúde (DGS). Ou seja, quase quatro em cada cinco das mortes ocorreram em LVT, região que tem um peso de cerca de 34% na população de Portugal.

A região de LVT é, desde 24 de junho, a que apresenta maior número de casos confirmados de covid-19, somando a 18 de julho (dados divulgados hoje pela DGS) 24.261 infetados, o que equivale a praticamente metade dos 48.636 casos contabilizados em Portugal desde o início da pandemia.

E as mortes em Lisboa e Vale do Tejo este mês são 11 vezes superiores às da região Norte, que se cifram em oito (7,3% do total), apesar de ainda ser no Norte que existem mais óbitos desde a eclosão da pandemia: 827.

Aliás, este mês é o Alentejo a segunda região com mais casos, tendo registado 12 falecimentos (10,9% do total). No Alentejo o número de óbitos quase triplicou face ao final de junho, passando de sete para 19 vítimas mortais, devido ao surto num lar de idosos em Reguengos de Monsaraz.

A região Centro conta este mês com três óbitos, o que equivale a 2,7% das 110 mortes. Algarve, Açores e Madeira não registam qualquer vítima mortal este mês.

87% das vítimas mortais tinham mais de 70 anos
Em termos de idade das pessoas que faleceram devido à covid-19, desde o início do mês 74 óbitos respeitam a pessoas com mais de 80 anos e 22 tinham idades compreendidas entre os 70 e os 79 anos.

Assim, 87,3% dos óbitos ocorridos em julho referem-se a doentes com mais de 70 anos. Este valor é ligeiramente superior aos 86,4% registados desde o início da pandemia.

Em julho foram registados ainda seis falecimentos de doentes com 60 a 69 anos, cinco com 50 a 59 anos, dois no escalão etário dos 40 aos 49 anos e um no escalão dos 30 aos 39 anos.
Ver comentários
Saber mais Lisboa e Vale do Tejo Direção-Geral de Saúde Norte Alentejo mortes covid-19
Outras Notícias